Plano de Carreira dos Profissionais da Educação é debatido por comissão

  • Almerice Rodrigues
    A prefeitura de Formosa do Rio Preto promoveu um encontro da Comissão Coordenadora Municipal responsável pela elaboração das adequações ao Plano de Carreira dos Profissionais da Educação Municipal, nesta quinta e sexta-feiras, dias 25 e 26. Um trabalho intenso, durante esses dois dias, com a supervisão da Secretaria Municipal de Educação, contaram com a participação da avaliadora educacional técnica da Rede de Planos de Carreira e Remuneração do Estado da Bahia – Rede PCR BA, Cristina Pereira, do prefeito Dr. Termosires Neto, de representantes da APLB – Sindicato e de servidores da referida secretaria.
    Apresentou-se e discutiu-se sobre o diagnóstico financeiro de 2018 do município e foi analisada a viabilidade financeira do Plano de Carreira implantado através da Lei Municipal nº 55/2008. “Esse estudo é essencial para entendermos quais ajustes e reformulações são necessários para termos uma lei mais justa e objetiva”, explica Dr. Termosires.
    As adequações do Plano de Carreira serão elaboradas pela comissão instituída pela Portaria nº 04/2017. “Todos os profissionais da Educação poderão acompanhar as propostas após elaboração da nova minuta do Projeto de Lei que deverá ser apresentado para a apreciação do Legislativo. Assim teremos a garantia da participação democrática e a regularização da carreira”, ponderou a avaliadora Cristina. Será realizada, inclusive, uma audiência pública para debater o assunto.
    De acordo com a Secretária Municipal de Educação, Luzinete Oliveira, esse é mais um passo importante para organizar e adequar a legislação municipal com vistas na viabilidade e segurança para os profissionais da educação, quanto à concessão e manutenção de direitos. “Estamos reestruturando a rede municipal de ensino em diversos aspectos e não podemos deixar de alinhar o desejo da categoria com a lei e com as condições financeiras e técnicas do município. Por isso, contamos com o apoio da Rede PCR BA, da APLB e de todos os profissionais da Educação para realizarmos um trabalho transparente e que atenda nossas principais expectativas”, finalizou.


    • Compartilhe:

    Comentários: