15º
32º
Parcialmente Nublado

Empresário de Ibotirama realiza sonho de famílias carentes

  • Programa Encontro Marcado entrevista o empresário Edilson Leite que ao longo desses dez anos, já entregou 31 imóveis para pessoas carentes. O empresário falou da inspiração e deu detalhes sobre o projeto

    Jayme Modesto

    O entrevistado do Programa Encontro Marcado, na TV Câmara, desta quarta-feira, (17/05), foi o empresário Edilson Leite, ele que é natural de Penapolis/SP, radicado desde os nove anos em Ibotirama, região baiana do Médio São Francisco. Edilson atua no ramo de materiais de construção, e nos últimos anos tem realizado o sonho da casa própria de muitas pessoas no município de Ibotirama.

    Edilson Leite é do tipo que dificilmente passa despercebido nos ambientes que frequenta. Bem humorado, afável, discreto, gentil, avesso a badalações, gosta de contar piadas, tem voz aguda e normalmente fala em alto tom. É integralmente voltado à família, ao trabalho e aos sonhos de compartilhar com os mais carentes, buscando assim, uma sociedade mais justa e igualitária.

    Reside em Ibotirama há mais de trinta anos, onde construiu família e consolidou seu patrimônio. Uma de suas características é a simplicidade e tem como meta, compartilhar um pouco do que conquistou com a camada mais desprotegida da sociedade Ibotiramense.

    Durante a entrevista, o empresário contou como e quando surgiu a ideia de iniciar esse trabalho social e o que o motivou. Segundo ele, a inspiração veio do quadro “Lar Doce Lar”, do programa do Caldeirão do Huck, programa da TV Globo, para construir casas por conta própria e doar para famílias de baixa renda. Ao longo de dez anos, ele já entregou 31 imóveis.

    “A ideia de ajudar quem precisa com a doação de casas foi da minha esposa, Simone Leite, que é fã do apresentador Luciano Huck e do quadro do programa e que me deixou muito entusiasmado”, disse Edilson, destacando ainda que o que tocou seu coração foi o agradecimento a Deus por tudo que ele já alcançou. “Deus tem feito muito por mim e por minha família. Pensei que tinha que fazer alguma coisa para compartilhar com as pessoas um pouco da minha felicidade”.

    Questionado sobre os critérios para concorrer um imóvel, Edilson explicou que recebe cartas das pessoas interessadas, ele avalia a situação das famílias e escolhe três delas por ano para fazer a doação.

    Conforme o empresário, a seleção é criteriosa. Acompanhado da esposa, visita as três casas das cartas sorteadas e escolhe a que mais identifica com a promoção, “Emac realiza meu sonho”.

    De acordo com o empresário, nestes dez anos, ele já recebeu quase três mil cartas. Entre os critérios estabelecidos na promoção “Emac realiza meu sonho”, é necessário que a pessoas tenha uma casa em más condições e seja dono do terreno, além de outros requisitos. Em seguida, a casa é demolida e construída uma nova.

    Entre muitas cartas que passou a receber de famílias carentes, Edilson encontrou a da dona de casa Poliana Silva. Desempregada, mãe de dois meninos, e na época, grávida de nove meses da filha mais nova, ela contava que morava em uma casa de barro. “Na antiga casa, ela tinha medo da chuva e agora encontra motivo para seguir em frente”, disse ele.

    Edilson revelou ao apresentador Jayme Modesto, que ao longo desses 10 anos de trabalho social foram muitos os momentos de alegrias e emoções, e que em suas visitas enloco, se surpreendeu muitas vezes com as situações degradantes em que viviam as famílias. Outras vezes se chateou por presenciar uma situação totalmente adversa a escrita na carta.

    Para ele o que mais o aflige são as mazelas sociais. Edilson é um dos mais célebres exemplos de empresário oestino, realmente dedicado a fazer a sua parte para ajudar a minimizar um pouco os problemas sociais do seu município, a frente do grupo empresarial Emac Material de Construção.

    Edilson falou ainda durante a entrevista ao programa “Encontro Marcado”, de momentos marcantes nesta caminhada, mencionando o caso da família da menina Cauane. “Entre tantos momentos emocionantes eu me recordo o caso da família da menina Cauane, que nasceu com paralisia cerebral. A mãe dela, a dona de casa Érica Alves nos procurou para pedir blocos de construção e acabou ganhando uma casa inteira”, revelou Edilson.

    O imóvel onde Érica mora com os filhos tem dois quartos, banheiro sala e cozinha tipo americana.

    Edilson revela que já está se preparando para entregar em dezembro mais três casas, realizando assim o sonho de mais famílias no município de Ibotirama.

    O Programa Encontro Marcado vai ao ar nas segundas e terças-feiras ao meio dia, no canal 4.1. Nos demais dias da semana, o programa vai ao ar dentro da escala de programação rotativa.


    • Compartilhe:

    Comentários: