Membro brasileiro do Estado Islâmico planejava atentado contra delegação francesa no Rio, diz jornal

Informação foi revelada pelo serviço secreto da França durante audiência da CPI sobre os ataques de 2015

O general Christophe Gomart, chefe da direção de informações militares da França, fez a revelação sobre possível atentado do Estado Islâmico contra delegação francesa na Olimpíada – Divulgação

RIO – Um membro brasileiro do Estado Islâmico estaria preparando um atentado à delegação francesa durante os Jogos Olímpicos do Rio, segundo o resultado de um inquérito parlamentar divulgado nesta quarta-feira pelo jornal francês “Libération”. O conteúdo foi revelado durante uma audiência a portas fechadas em 26 de maio com o chefe da direção de informações militares (Direction du Renseignement Militaire), o general Christophe Gomart, em uma Comissão Parlamentar de Inquérito sobre os atentados de 2015 na França. A reportagem foi manchete do site do jornal europeu.

Na transcrição publicada, Gomart não dá muitos detalhes sobre o plano de atentado e responde aos parlamentares apenas que ficou sabendo da informação “através de parceiros”.

Segundo o “Libération”, esse trecho não deveria ter vindo a público, o que explica a aparente incoerência da transcrição. No texto publicado no site da Assembleia Nacional, Gomart faz relatos do monitoramento feito pelo serviço de inteligência de suspeitos oriundos do Iêmen e da Líbia, quando o assunto aparece de repente, como pode ser visto a seguir:

General Christophe Gomart: Ao menos três fontes fazendo referências a sites do Daech [acrônimo do Estado Islâmico] em várias cidades sírias também puderam ser avaliadas graças aos conhecimentos e capturas do DRM [Direction du Renseignement Militaire] (…) Estas trocas permitem recuperar e confirmar as informações nos teatros de operações [termo militar].

George Fenech (deputado): Eu não havia ouvido falar deste brasileiro que pretendia cometer atentados contra a delegação francesa nos Jogos Olímpicos. Como você sabe disso?

General Christophe Gomart: Pelos nossos parceiros.

PUBLICIDADE

Na avaliação do jornal, “nossos parceiros” seriam os Estados com os quais a França colabora na luta contra o terrorismo. O “Libération” destaca que o Brasil prevê um “centro antiterrorista” formado por especialistas americanos, britânicos, espanhóis e franceses.

Trecho da conversa entre deputado e general transcrita no ‘Libération’ – Reprodução

Fonte: O GLOBO

http://oglobo.globo.com/rio/membro-brasileiro-do-estado-islamico-planejava-atentado-contra-delegacao-francesa-no-rio-diz-jornal-19703146


Compartilhe:

Comentários: