Academia Conde Koma finaliza 2014 com troca de faixas

DSCN9266

Texto: Gabriela Flores / Fotos: Jayme Modesto
“O Judô não é somente uma arma de autodefesa, ou puramente um esporte para ganhar competições, mas também uma forma de vida”. Com essa filosofia, Danylo Cordeiro de Oliveira, ou simplesmente Sensei Danylo, passa as doutrinas do Judô a seus alunos da academia Conde Koma, comandada pelo professor Marcão.

O exame de troca de faixas, que acontece uma vez ao ano, fechou 2014 graduando os alunos, que se dedicaram ao esporte, a um nível acima, ficando mais perto da faixa mais desejada, a preta. O objetivo do exame é avaliar o aprendizado, bem como a evolução do aluno como atleta e cidadão.

“São oito faixas coloridas até chegar à faixa preta, que requer muita dedicação e disciplina. Vale ressaltar que alunos indisciplinados no dia a dia ou na escola com seus professores, como em casa com seus pais, serão advertidos sobre suas condutas, ficando inclusive, se não houver melhoras no comportamento, fora do exame anual”, declarou o Sensei.

Para Danylo, o praticante do Judô não pode ser apenas um competidor, mas necessita absorver o conteúdo filosófico da arte e utilizá-lo na prática como judoca. Deve entender que, seguir o caminho da suavidade é aprender a aceitar com naturalidade os fatores que facilitam e dificultam nossas vidas.

“Todo judoca tem introduzido no seu íntimo os completos ensinamentos do Judô, sua forma de viver é diferente, seja pela autoconfiança que transpira em sua alma, seja pelo respeito que dispensa às pessoas, ou mesmo pela naturalidade de aceitar que a vitória e derrota são unicamente consequências de suas reais condições”, disse Danylo.

A academia Conde Koma é recente em Barreiras. Com apenas um ano de funcionamento, a escola de Judô mostra força na arte de formar ótimos esportistas e cidadãos. Atualmente, a academia conta com turmas infantis e adultas.

DSCN9174 DSCN9183 DSCN9222

DSCN9251

DSCN9268


Compartilhe:

Comentários: