Agências bancárias voltam à pauta

ASCOM

Na sessão ordinária de quarta-feira (14/08) o vereador Eurico voltou a fazer críticas às agências bancárias, que não se adéquam às leis em garantia de um bom atendimento aos usuários do serviço. “Os bancos ganham muito dinheiro, cobram taxas de serviço abusivas, e não querem sequer investir em conforto, bom atendimento e aumento de servidores”. O vereador pediu uma reunião com a Secretaria de Finanças do município para cobrar fiscalização.

 Segundo o presidente Tito, a prefeitura informou que já foram designados dois fiscais para iniciar vistoria às agências da cidade e verificar o cumprimento, dentre outras, da lei municipal dos “15 minutos” (Lei 1003/12), cujo projeto teve como autor o próprio vereador Tito. O não cumprimento acarreta notificação seguida de multa.

O vereador Lucio levantou a questão da violência na cidade e criticou a falta de explicações do governo estadual quanto à construção do presídio regional. Para o vereador Otoniel, a insegurança é agravada pela falta de iluminação em inúmeros pontos da cidade. Os pronunciamentos também foram corroborados pela vereadora Beza. “Devemos cobrar, não só do governador, mas dos nossos deputados estaduais. A cadeia em nossa cidade é um depósito de seres humanos e a superlotação contribui com as fugas constantes”, afirmou.

Foi aprovada moção de pesar pelo falecimento do Sr. Valdemir Freitas, a pedido do vereador Aguinaldo Junior.


Compartilhe:

Comentários: