Baianópolis unido pela segurança pública

Texto e fotos: Jayme Modesto

Em audiência pública realizada no dia 21 de março, no plenário da Câmara Municipal de Baianópolis, vereadores, prefeito, secretários, servidores públicos, dirigentes de instituições públicas e privadas e sociedade civil organizada, discutiram a implantação do Conselho Municipal de Segurança Pública (Comsep). A minuta do projeto de lei propondo a criação do colegiado foi discutida no plenário, bem como, as normas que regulamentarão o funcionamento da entidade e apresentação de sugestões ao documento.

O Prefeito Anderson Cleyton justifica a urgência na criação do conselho. Segundo ele, em virtude do aumento da violência na cidade e da necessidade de adoção de medidas imediatas de prevenção e combate à criminalidade, ocasionada especialmente pelo assalto ao Banco do Brasil, que apavorou a população, também a questão das drogas, que na sua maioria atingem jovens e adolescentes.

“A ideia é realizar um trabalho conjunto, envolvendo o poder público, escola, igreja, família, movimentos sociais, na busca de soluções eficazes para diminuir esses índices e envolver todos os segmentos em ações preventivas, para que o combate à violência não se resuma à ação policial em si”, disse Cleyton.

Para o presidente da câmara, vereador Gilvan Febrônio, a criação do conselho é de fundamental importância para a segurança do município. “Todos nós vereadores somos favoráveis à criação do conselho e queremos apresentar sugestões que podem ajudar o poder público na redução dos índices de violência e manutenção da segurança no nosso município”.

Na audiência pública estiveram presentes também, o subcomandante Major Camilo Uzêda, representando o comandante do 10º BPM Ten Cel PM Osival Moreira Cardoso, Cap. Alencar, comandante da 4ª companhia do 10º batalhão de Barreiras e o delegado de polícia de Baianópolis, Antistenes Benvindo. Na oportunidade a polícia local recebeu um importante reforço, uma viatura modelo camionete cedida pelo governo do estado.


Compartilhe:

Comentários: