Barreiras sediou o VII Fórum Regional Copa Bahia 2014

Texto: Cheilla Gobi
Fotos: Jayme Modesto

Marco Costa, paola Publio, Helena Garcia, Ney Campello, Bosco Fernandes e Osival Cardoso.

A cidade de Barreiras localizada na região Oeste da Bahia, e uma das 20 candidatas a Centro de Treinamento durante o mundial, sediou nesta terça-feira, 28, durante todo o dia, a sétima edição do Fórum Regional Copa Bahia 2014.

O evento foi realizado no auditório do Hotel Solar das Mangueiras e contou com a participação do secretário estadual para Assuntos da Copa do mundo da FIFABrasil 2014 (Secopa), Ney Campello, do coordenador de relações internacionais e esportivas e responsável pelo programa de interiorização, Marco Costa, coordenadora para assuntos da copa do mundo/SETUR, Paola Publio, a gestora do Projeto Copa 2014, Helena Garcia, o secretário de Cultura e Esportes de Barreiras, João Bosco Fernandes, o Tenente Coronel do 10° Batalhão de Polícia Militar – BPM, Osival Cardoso e ainda a presença de empresários e autoridades locais.

O Fórum objetivou a discursão dos benefícios e o impacto na economia local com a escolha dos centros de treinamento.O evento faz parte de um Programa de interiorização da Copa do Mundo na Bahia, com intuito de que os resultados da copa sejam extraídos não só na capital baiana, mas em todo o interior do estado.

“Dentro deste cronograma de interiorização, a vinda a Barreiras é para discutir meios, mecanismos da participação da cidade no programa das competições tanto em 2013 quanto em 2014,” afirmou o secretário estadual para assuntos da copa, Ney Campello.

De acordo com Ney existem várias oportunidades, no qual uma diz respeito a possibilidade de recepcionar uma seleção, outra forma de participação é na qualificação profissional e a terceira oportunidade é a exibição pública dos jogos.

Com relação a recepção de uma seleção, o secretário deixou claro a dificuldade que Barreiras tem devido a falta de hotelaria.

A qualificação dos profissionais das cidades que irão receber os turistas é de fundamental importância, conforme Campello. “Os Turistas, portanto torcedores querem conhecer a Bahia, eles podem estar em salvador em dias de jogos, e em outros momentos podem querer está em Barreiras conhecendo as riquezas naturais, como as famosas cachoeiras e também para conhecer o agronegócio que é um grande destaque da região. Portanto a qualificação de taxistas, ambulantes, dentre outros pode ser discutida e o SEBRAE está presente para oferecer esta capacitação, assim como também a secretaria de turismo,” disse o secretário.

O terceiro eixo é a exibição pública dos jogos e Barreiras está entre as 12 cidades que secretaria da copa elegeu. É o chamado public view com um grande telão de alta definição.

De acordo com informações do coordenador de relações internacionais e esportiva e responsável pelo programa de interiorização que um dos assuntos é o centro de treinamentos de seleções, Marco Costa, Barreiras foi uma das 20 localidades do estado que foram pré-selecionadas na primeira e na segunda janela de visitas de 180 localidades no Brasil, e a FIFA após fazer análise dessa primeira vistoria selecionou no Brasil 54 localidades que já estão no catálogo da FIFA e destas 54 localidades duas são no estado da Bahia sendo uma em Porto Seguro e outra em mata de São João.

A partir do dia 01 de setembro estará aberta a nova janela de inscrições e Barreiras que já se inscreveu pode se recadastrar. “Podemos junto ao município identificar que detalhe faltou para que Barreiras pudesse vir a ser indicada. Barreira tem um fator fundamental que é está entre duas cidades sedes, Brasília e Salvador. Iremos trabalhar para que Barreiras e outras cidades da Bahia amplie o nosso leque para que não fique apenas em porto Seguro e Mata de São Joao já selecionadas hoje,” falou Marco.

Entrevista de Marco Costa e Ney Campello a imprensa local, momentos antes do Fórum.


Compartilhe:

Comentários: