Barreiras: Vereadores ouvem reivindicações de mototaxistas

A classe de mototaxistas de Barreiras foi recebida nesta segunda-feira (14/01) pelo presidente da Câmara, vereador Tito; pela 1ª secretária, vereadora Karlúcia Macedo e pelo vereador Alcione Rodrigues, intermediador da reunião.

O presidente da Associação de Proprietários de Mototaxi, Josenildo Dantas, expôs aos edis as dificuldades diárias para realização do trabalho. Segundo ele, tem faltado, por parte da administração pública, fiscalização para coibir irregularidades como a atuação de mototaxistas clandestinos e sem devida uniformização bem como o descumprimento de leis de trânsito. Consequentemente, os profissionais sentem-se desmotivados a obedecer a regulamentações, como explica Josenildo.

O presidente Tito destacou a necessidade de adequação ao Conselho Nacional de Trânsito – CONTRAN e à lei municipal 889/2010, que atualiza as disposições referentes ao sistema de transporte de passageiros e prestação de serviços através de motocicletas.

“O município tem 250 mototaxistas registrados e é preciso que se cobre o cumprimento da legislação por parte dos profissionais, tanto quanto pelo poder público. Um serviço de qualidade é vantagem para o trabalhador e garante a segurança do usuário”, afirmou o presidente, que foi autor do projeto de lei 007/2005, que instituiria o sistema de transporte na cidade.

Uma das reivindicações consensuais entre os profissionais presentes foi a instalação das centrais prestadoras de serviço, que são espaços físicos devidamente estruturados para acomodação, centralização e organização dos mototaxistas.

O vereador Alcione, que já presidiu a Associação entre os anos de 2004 e 2006, garantiu apoio à classe na luta por melhorias das condições trabalhistas. “A tribuna estará disponível assim que as sessões ordinárias forem iniciadas e acredito que todo o Legislativo abraçará a causa”, concluiu.

Ascom


Compartilhe:

Comentários: