Buritirama: Saúde continua com programa de capacitação dos profissionais

Dando continuidade ao processo de capacitação dos profissionais da saúde municipal foi realizada na última semana, mais uma palestra sobre a doença de chagas no auditório da Secretaria Municipal da Saúde de Buritirama.

As orientações foram feitas pelos profissionais Josmiltom Marques, José Maria Nascimento, Adriano Alves e Cláudio Souza, tendo como foco principal, capacitar os agentes das endemias para que possam desenvolver um trabalho de qualidade na prevenção de doenças no município em especial a doença de “Chagas”.

Mal de chagas, chaguismo, tripanossomíase americana ou aindaeEsquizotripanose é uma infecção transmissível causada por um protozoário flagelado denominado Tripanossoma Cruzi. Este parasita ataca os tecidos dos órgãos nobre do corpo (coração, aparelho digestivo, e sistema nervoso).

Vale ressaltar que não existe vacina para a doença de chagas. A prevenção visa cortar em algum ponto a cadeia de transmissão com eliminação dos barbeiros no Peri e intra domicilio e as principais medidas são:

*Melhoria das habitações;
*Manter os animais fora de casa;
*Evitar montes de lenha, telhas tijolos ou outros entulhos no interior ou nos arredores das casas, pois são ótimos abrigos para os barbeiros;
*Fazer a higienização da residência e seus arredores eliminando todos possíveis esconderijos para os barbeiros;
*Afastar das casas todos os criadouros de animais, (galinheiro, currais e chiqueiros);

Com base no plano de ação da SMS esse trabalho está sendo desenvolvido com a colaboração de todos para melhoria de qualidade de vida de cada cidadão, hoje Buritirama conta com 25 PITS (Postos de Informações de Triatomínios) Sede e Zona Rural.

Segundo Claudio Souza, conscientizar a população dos perigos das doenças é a principal ferramenta de prevenção. “Portanto,  estamos nos capacitando para continuar na luta,” disse.

Grasciella Chagas/Fonte: Correio do Oeste


Compartilhe:

Comentários: