Empreendedores expõem produtos em busca de novos negócios na Bahia Farm Show

Estande do Sebrae no evento oferece capacitações e orientações empresariais até o dia 1º de junho.

A engenheira agrônoma Ana Paula Veloso expõe os brigadeiros e chocolates da Cacau do Oeste, uma fábrica de derivados do cacau, situada no povoado Barreiras Norte. Ela conta que a indústria vai receber consultoria do Sebrae ainda este ano para padronizar a produção de chocolate. “Queremos ampliar nosso mercado, aumentar também a variedade de produtos e apostamos no apoio técnico do Sebrae”, deseja Ana Paula.

Ana Paula é uma das expositoras do estande do Sebrae na Bahia Farm Show, que iniciou nesta terça-feira, 28, e prossegue até 1º de junho. O governador Jaques Wagner esteve presente na solenidade de abertura e recebeu uma baianinha de lembrança do Assentamento Rio de Ondas, de Luís Eduardo, da Associação de Artesãos Caliandra, formada por agricultores familiares. A baianinha é feita de capim dourado e de sementes da região.

No estande do Sebrae, estão sendo oferecidas capacitações gratuitas. O técnico agrícola Aloísio Bezerra participou do curso sobre bovinocultura leiteira. Para ele, foi válido, porque serviu como difusor de tecnologia. “Foi muito proveitoso, principalmente no que diz respeito ao melhoramento genético. O conhecimento é essencial para a agricultura familiar”.Gilmar Cardoso é produtor rural e participou do curso de Piscicultura. Ele afirmou que a capacitação foi importante por estar desenvolvimento um projeto piloto na área, no Assentamento Rio de Ondas. “Precisamos de todo o conhecimento na área para termos sucesso com a piscicultura”.
Ainda no espaço do Sebrae, também estão representantes da Associação Comercial e Empresarial de Luís Eduardo Magalhães (Acelem) e da Secretaria da Indústria e Comércio do município. O presidente da Acelem, Carlinhos Pierozan, destaca o papel do Sebrae enquanto parceiros dos empresários. “É necessário também parar um instante e se concentrar na técnica de gerir o negócio. O assunto é sempre abordado pela instituição, inclusive na Bahia Farm Show.”Segundo o secretário da Indústria e Comércio, Ondumar Marabá, hoje o maior desafio para o empresário é a capacitação para lidar com o mercado e a manutenção do negócio. “E para capacitar, o Sebrae é a saída. É uma instituição que oferece conhecimento técnico para entender a linguagem gerencial no momento de novos investimentos e para melhorar a qualidade de serviços e produtos. Por isso, temos que andar juntos”.Fundesis

Durante o a Bahia Farm Show, aconteceu o lançamento da Cartilha do Gestor, que traz o resumo da realização do Fundo para o Desenvolvimento Integrado e Sustentável da Bahia (Fundesis), na região oeste. O Sebrae é parceiro e oferece cursos gratuitos às entidades beneficiadas com o Fundo. Na ocasião, foram apresentadas as 17 instituições beneficiadas pelo edital de 2013.

Felem

A abertura da Feira de Negócios e Entretenimentos de Luís Eduardo Magalhães (Felem) também contou com uma grande participação de visitantes. A feira direcionada a micro e pequenas empresas da cidade acontece em paralelo à Bahia Farma Show, na praça em frente à prefeitura, das 18h às 23h.

Rosa Schwanke, representante da Associação Caliandra de Artesãos da Agricultura Familiar, está em um dos estandes da feira. “Essa é a oportunidade direcionada de expor o que é originalmente do cerrado baiano”.

Para o coordenador da Unidade do Sebrae em Barreiras, Emerson Cardoso, “a Felem funciona como uma grande vitrine para que as micro e pequenas empresas divulgarem seus produtos, fortalecerem sua marca e conquistarem novos clientes, com foco em novos negócios”.

 
 
Fonte: Sebrae


Compartilhe:

Comentários: