Escolas municipais de São Desidério ultrapassam meta do IDEB

???????????????????????
ASCOM SD

Os resultados do Índice do Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), referentes ao ano de 2013 foram publicados recentemente e apontam que as escolas municipais de São Desidério alcançaram resultados acima da meta projetada e revelam também a crescente trajetória da qualidade do ensino fundamental municipal. Isso é fruto de muito trabalho e investimentos na área de educação pela gestão municipal, como a valorização profissional, transporte e merenda escolar de qualidade, melhorias nas estruturas físicas no ambiente escolar, além do fundamental trabalho e comprometimento do corpo docente e funcional das escolas municipais, professores, coordenadores, diretores, supervisores e coordenação geral.

Os destaques do IDEB nas séries iniciais deste ano são a Escola Municipal Deputada Necy Novais, do povoado de Cabeceira Grande, com a nota 4,1, superando a meta projetada pelo MEC com 2,9, além de atingir neste ano a meta que deveria obter em 2021 e a Escola Municipal Olavo Pereira dos Santos, cujo IDEB, foi de 3.8, sendo que a projeção era de 3.1, ultrapassando dois décimos da média prevista para 2017. Os dados revelam ainda que São Desidério, nas séries finais a nota foi de 3,8 e ficou acima da média projetada, estipulada em 3,3.

Segundo o diretor da Escola Municipal Deputada Necy Novais, Geovânio Teixeira, os resultados obtidos no IDEB são reflexos do trabalho cooperativo executado na unidade. “Procuramos trabalhar em cima dos indicadores de aprendizagem de cada série, os professores trabalham de forma diversificada e dinâmica durante as aulas e ao final de cada unidade é aplicado a todos os alunos, mas especificamente aos que vão fazer a Prova Brasil um teste de português e matemática, baseado no projeto político pedagógico da escola, mas, acredito que o mérito maior, são dos professores e também dos alunos e se está dando certo, vamos continuar nesta proposta para alcançarmos mais destaque”, falou.

A secretária de Educação, Alaídes França ressaltou que o IDEB pode ser um ponto de apoio para ajudar a rede a desenvolver sua proposta. “Contudo, é necessário que se entenda esse índice, não como número frio, mas contextualizado.  Por isso, esses dados devem ser usados para provocar a reflexão e o planejamento das  novas ações estratégicas. Os bons resultados, sem dúvidas, aparecem graças ao envolvimento de toda equipe que empreendem ações colaborativas. Os pais, professores, gestores, coordenadores e supervisores que somam   esforços em prol  do ensino e  da aprendizagem de qualidade, além disso, destaca-se  o investimento  que vem sendo feito na educação do município”, destacou a secretária.

???????????????????????


Compartilhe:

Comentários: