Formosa do Rio Preto fez 52 anos com um futuro promissor

Texto e Fotos: Jayme Modesto

O município de Formosa do Rio Preto comemorou 52 anos de emancipação político-administrativa com muitos motivos para se comemorar. O acelerado desenvolvimento e sua pujança agrícola tornou Formosa, um dos mais importantes municípios do Oeste da Bahia. Com uma população estimada em 23 mil habitantes de acordo com o Censo 2010, o município é rico em belezas naturais e a grande extensão territorial o torna ainda mais forte economicamente.

O dia 22 de dezembro ficará marcado na história do povo formosense. A prefeitura do município preparou uma agenda repleta de atividades sociais e espetáculos musicais em comemoração aos 52 anos de emancipação política da cidade.

Durante o dia foi realizado uma vasta programa social, entre elas a entrega de Cestas Básicas a 2.348 famílias cadastradas, ao todo foram quase quatro mil cestas, incluindo famílias carentes da zona rural, a entrega foi na Praça da Cesta do Povo, onde também foi instalado um parque infantil para a criançada, além de outros serviços oferecidos gratuitamente como: aferição de pressão, testes de glicemia, entrega de preservativos dentre outros serviços.

O prefeito Jabes Júnior e a primeira dama Cintia Mascarenhas, participaram de toda a programação oficial. Uma missa em ação de graça foi celebrada na igreja matriz pelo Bipo Dom Josafa Meneses.

O prefeito Jabes Júnior falou a nossa reportagem, que apesar de 2013 ter sido um ano difícil para a administração com a falta de recursos, Formosa está fechando o ano com as finanças pública organizada.

“Estamos chegando ao fim de um ano muito difícil, mas, graças a Deus conseguimos organizar a administração pública e estamos fechando o ano com as contas em dia, pagamos salario, décimo terceiro, INSS e todos os fornecedores e conseguimos ainda proporcionar uma grande festa para o povo formosense.

Formosa faz hoje 52 anos de emancipação politica e estamos comemorando com o povo e distribuindo cestas básicas para pessoas carentes, quase quatro mil cestas básicas estão sendo distribuídas, entre sede e zona rural.

A noite estamos promovendo uma grande festa com a banda Parangolé da Bahia e Batukeré com um mega trio elétrico, tivemos também uma missa em ação de graça celebrada pelo o bispo Dom Josafá Meneses, para abençoar a nossa cidade, e temos certeza que em 2014 vamos fazer muito mais.

 Sabemos que administrar não é fazer para poucos e sim, para todos, principalmente para aquelas pessoas mais carentes que mais precisam das ações do poder público.

O grande anseio hoje de todos os prefeitos é que os municípios recebam uma participação mais efetiva dos governos federal e estadual, além da extrema necessidade  de aumento nas receitas como: FPM, ICMS, e as demais receitas.

Tivemos muitas dificuldades este ano que se finda e para completar neste mês de dezembro tivemos um bloqueio do INSS  no qual a parcela já havia sido paga no mês anterior, mas mesmo assim a receita bloqueou, situação que já conseguimos resolver e vamos entrar o ano com a administração  financeiramente organizada,  para isso foi necessário um rigoroso  ajuste na  contenção de despesas e fechar o ano com as coisas em dia e começar um novo ano organizado.

A nossa luta continua, para que o governo Federal possa aumentar de 1% a 2% no repasse, até porque os municípios do Brasil não consegue sobreviver sem os repasses oficiais do FMP. Todos os prefeitos da Bahia através da UMOB e UPB vêm fazendo esta reivindicação e com certeza nos vamos pressionar e cobrar do governo do estado e da presidente Dilma Rousseff.

Neste final de ano tivemos uma surpresa agradável o governador antecipou o FPM, ISS, ICMS e Fundeb para o   dia 30 o que facilitou muito para as administrações, isso já representa uma conquista pequena diante das reivindicações que fazemos através da Umob para Formosa e o Oeste.

Jabes também falou da mudança na programação com relação a entrega do Centro Administrativo. ” Na verdade estava programada para ser hoje, mas como estamos fechando o ano e as contas de 2013,   achamos melhor  e mais prudente deixarmos para o inicio do ano, então provavelmente entre de 10 a 15 de janeiro de 2014, as portas da nova prefeitura serão abertas, para que possamos iniciar  o ano de 2014 com melhor acomodação no novo espaço”.

Jabes afirmou ainda que: A população é testemunha do nosso esforço para que a cidade continue se desenvolvendo. O povo de Formosa é um povo bom, amigo, acolhedor e está sempre nos apoiando em nossas iniciativas.

À noite, fechando a programação, o maior grupo de pagode do país, o Parangolé, comandado pelo vocalista Léo Santana, e a banda de axé Batukerê se apresentaram, na Avenida Brasil, a bordo do mega trio elétrico Gêmeos. “As atrações musicais são da melhor qualidade e abrilhantou ainda mais o aniversário de nossa querida Formosa do Rio Preto” frisou Jabes Junior.”

Histórico

Em 1628 D. João de Lencastro, 32º Governador Geral do Brasil  mandou povoar o Território do Rio Preto, nome dado a essa região pela característica das águas do Rio Preto, que segundo o amor pátrio de sua gente, é o mais belo rio do mundo. Este rio, com um percurso de mais de 150 milhas, nasce nas proximidades da Cabeceira do Chapadão Oriental da Bahia, como o nome de Rio Cabeceira Nova, recebendo adiante o nome de Rio Preto que, juntando a seus afluentes vai despejar suas águas no Rio Grande nas imediações do Buqueirão. Dentre esses afluentes destaca-se o Rio Sapão que, apresentando um belo cenário preparado pela natureza, junta suas águas ao mesmo em um lugar hoje denominado São Marcelo; também o Rio do Ouro, onde em 1630 foram encontradas algumas porções desse metal.

A habitação dessa região ocorreu com a vinda da Família Real para o Brasil, onde já se encontrava na região o Sr. João Amado Viana, fidalgo português. Transportado para o Brasil como degredado por dirigir graves ofensas a uma dama da Corte, sendo ainda expulso da Universidade de Coimbra, dono de opulenta riqueza e com seus inúmeros escravos chegou a cultivar nestas trigo na Fazenda Cana-Brava e posteriormente nas terras onde se localizava a Fazenda Várzea Formosa, hoje município de Formosa do Rio Preto.

Em Formosa do Rio Preto, há cinco feriados municipais, que são: o Carnaval, que sempre é realizado no mês de fevereiro seguinte a quarta-feira de cinzas; a Sexta-Feira Santa, que ocorre sempre em março ou abril; a tradicional festa de vaquejada que ocorre todos os anos na última semana de maio, sendo quatro dias de festa com bandas de várias regiões do Brasil; O São João é um feriado muito comemorado em Formosa do Rio Preto, sendo dois dias de muita diversão, com um concurso acirrado de quadrilha e disputa de barraca mais bonita; e o aniversário da cidade, que ocorre no dia 22 de dezembro.


Compartilhe:

Comentários: