Luís Eduardo Magalhães ganha reforço do comando da 5ª CIA de PM para independência da companhia

ASCOM

 

A luta do secretário de Segurança, Ordem Pública e Trânsito de Luís Eduardo Magalhães, Marcos Alecrim para tornar a 5ª Companhia de Polícia Militar independente ganhou o reforço do novo comandante da coorporação, o Cap. PM Cesar Elpídio do Sacramento Almeida, que na manhã desta quarta-feira, 10, participou, na sala de reuniões do gabinete, de reunião com integrantes da Comissão dos Moradores do Novo Paraná. O secretário de Indústria e Comércio, Ondumar Marabá também participou da reunião.

“Quero instalar essa Companhia Independente aqui em Luís Eduardo Magalhães. Não justifica uma cidade com o potencial de Luís Eduardo não ter uma Companhia de Polícia Independente. A cidade tem poderio econômico de sobra, basta observar que daqui pra divisa temos pelo menos três fronteiras agrícolas”, disse. Segundo o capitão a independência da Companhia representa uma autonomia gestora e financeira e a possibilidade de um incremento substancial no efetivo policial que atende o município.

Na semana passada Alecrim afirmou que o trabalho para tornar a 5ª CIA de PM independente iria se intensificar no segundo semestre. Um dos próximos passos será a realização de uma audiência pública, com apoio da Câmara de Vereadores e um amplo trabalho de mobilização social, que deve acontecer já no mês de agosto. “Nossa cidade é um celeiro de oportunidades. A independência da companhia só trará benefícios”, reitera.

O novo comandante avisa, no entanto, que existe a possibilidade de inclusão de vagas para Luís Eduardo Magalhães no próximo Concurso da Polícia previsto para o segundo semestre deste ano. “Com a independência da Companhia podemos gerar de 200 a 300 empregos na cidade”, disse.

Viatura já está na oficina

A viatura que será deslocada para a comunidade do Novo Paraná já está na oficina e tem previsão de ficar apta para rodar em no máximo 30 dias. A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães se comprometeu em arcar com a manutenção do veículo. Enquanto a viatura ficar no conserto, um veículo alugado irá atender a comunidade.

A expectativa é que já a partir da segunda-feira, 15, a 5ª CIA de PM desloque dois policiais para trabalhar em regime provisório. A intenção, é que, com a independência da companhia a polícia e o governo municipal possam incrementar ainda mais o trabalho em prol da segurança da população, tanto da zona urbana, quanto rural.


Compartilhe:

Comentários: