Luís Eduardo Magalhães poderá ter voos diretos para Brasília

ASCOM LEM
O prefeito Humberto Santa Cruz se reuniu com empresários locais e representantes do Grupo Piquiatuba Transportes Aéreos, sediada em Belém (PA), para tratar sobre a possível implantação de um sistema de voos regulares por intermédio de táxis aéreos entre Luís Eduardo Magalhães e Brasília (DF), chamado de Ligação Aérea Sistemática (LAS).

Embora não possua oficialmente um aeroporto, o aeródromo municipal tem todas as condições de operacionalizar esses voos. De acordo com Aldair Izidoro, diretor de operações do Grupo Piquiatuba, este tipo de voo é muito utilizado em locais mais afastados dos grandes centros.

O gerente Comercial Fábio Pazzetto, que apresentou a proposta para os representantes do município, explica que sistema LAS funcionará em três dias da semana, segunda, quarta e sexta-feira. “Com essa rota vamos buscar fazer ligações entre a capital federal, que dispõe de acesso a todo Brasil e o mundo, e o interior da Bahia”, afirmou.

Segundo o prefeito Humberto Santa Cruz a intenção é dar início ao serviço ainda este ano. “Este tipo de operação é permitido pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), quando uma empresa de táxi aéreo opera uma aeronave de até 30 assentos nessas rotas”, destacou.

Após a reunião de apresentação, o prefeito Humberto Santa Cruz e a primeira-dama, Maira de Andrada Santa Cruz juntamente com um grupo de empresários locais realizou um voo teste até Brasília com duração estimada em 1h20min.


Compartilhe:

Comentários: