Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos de Barreiras começa a ser construído

Dircom

A primeira reunião coordenada pela Secretaria de Meio Ambiente de Barreiras para a elaboração do Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos – PMGRS – foi realizada na sexta-feira, 10, na sede do CREA. Participaram representantes do comitê gestor e do grupo de sustentação, ambos criados pelo Decreto 778/13, de 19 de dezembro de 2013.

Neste primeiro encontro o secretário de Meio Ambiente, Nailton Almeida fez uma apresentação da Política Nacional de Resíduos Sólidos e uma análise, com a participação e ajustes dos presentes, do Temo de Referência para elaboração do Plano Municipal de Gerenciamento. “A Política Nacional de Resíduos Sólidos é um avanço na solução do grave problema da gestão inadequada destes resíduos. Ela estabelece aos municípios um prazo até 31 de agosto deste ano para extinguir os lixões, porém, acreditamos que este prazo seja estendido para, no máximo, um ano”.

 Presente ao evento, o vice-prefeito Paê Barbosa destacou a importância da participação de todos no processo. “Toda a comunidade deve estar envolvida para juntos fazermos a gestão e gerenciamento dos resíduos sólidos. Queremos uma cidade que trate seus resíduos de forma correta e respeitosa, precisamos evoluir para conjuntamente, buscarmos soluções para esta importante demanda”, disse.

Para criar o Plano Municipal de Resíduos Sólidos, o Comitê Gestor, será o coordenador da elaboração. Formado por representantes de órgãos municipais como secretarias de Saúde, Educação, Meio Ambiente, Planejamento, Infraestrutura, além de integrantes da  Universidade Federal do Oeste, dentre outros.

Já o Grupo de Sustentação será o organismo político de participação social e responsável por garantir o debate e o engajamento de todos os segmentos ao longo do processo participativo e na consolidação das políticas públicas de resíduos sólidos. Entre os integrantes estão representantes do Poder Executivo, Camara de Vereadores, Conselhos de Meio Ambiente, Saúde, Saneamento Básico e Desenvolvimento Urbano. Ministério Público, entidades profissionais, sindicais, empresariais, ong’s, catadores, entre outras.

Novos encontros foram marcados para dar continuidade a agenda de trabalho apresentada para a elaboração do Plano Municipal Integrado de Resíduos Sólidos. A meta do Plano é ajudar o Brasil a alcançar o índice de reciclagem de resíduos em 20%.


Compartilhe:

Comentários: