São Desidério recebe apoio do Programa Água para Todos e elege Comitê Municipal

Texto: Ascom/São Desidério

Fotos: Rodney Martins

A prefeitura de São Desidério e a CODEVASF, por meio da Secretaria de Agricultura, realizou na manhã de quinta-feira, 14, no auditório da prefeitura Manoel Rodrigues de Carvalho, uma reunião sobre o Programa Água para Todos. Com a presença de Secretários, vereadores e representantes de diversas localidades do município. No final da reunião foi eleito e capacitado o Comitê Gestor Municipal que irá informar e eleger comissões comunitárias e acompanhar o desempenho do programa no município, tendo como secretária, Daysi Dicarlla Santos Gusmão e coordenadora, Maria Adalgisa Guimarães Barbosa.

O município de São Desidério foi comtemplado com 1.510 cisternas de polietileno (tecnologia limpa e ecológica, atóxico, inodoro, impermeável e resistente), para captação da água da chuva do Programa água para Todos, com capacidade de armazenar 16 mil litros de água. As cisternas serão implantadas especificamente para famílias que moram na zona rural e se encaixam nos critérios de atendimento do programa do governo que tem por finalidade contribuir para reduzir as desigualdades regionais brasileiras e promover a universalização do acesso à água em áreas rurais para consumo humano e para a produção agrícola e alimentar, visando o desenvolvimento humano e à segurança alimentar e nutricional de famílias em situação de vulnerabilidade social.

Segundo a analista em desenvolvimento regional do Escritório de Apoio Técnico de Barreiras da CODEVASF, 2º EBA, Walkyria Antunes Pignata, “A audiência pública foi excelente, as pessoas tiraram suas dúvidas e estamos aqui justamente para apoiar a implementação desse programa do governo federal no município de São Desidério. Vamos buscar o público alvo para ser comtemplado com as 1.510 cisternas; serão as famílias que ainda hoje carregam água na cabeça, que tem água imprópria para o consumo, água salobra ou com agentes bacteriológicos e físicos que contaminam a água, ou que no povoado tenha um poço tubular, mas que a vazão não é suficiente, então, serão vários laudos justificativos para receber o benefício”. Afirma Walkyria Pignata.

Para o secretário de agricultura, José Marques de Castro, a reunião foi produtiva e alcançou os objetivos desejados. “Acreditamos que as representatividades presentes que formaram o Comitê Gestor Municipal, vai gerir o projeto Água para Todos com a distribuição das cisternas de forma justa. São Desidério vive um diferencial em relação a outros municípios que vem tendo problemas com a água, porque somos um município abençoado por natureza, pela quantidade de rios que possuímos. Apesar de já termos em torno de 90 por cento das comunidades do município já abastecidas com água por meio do governo municipal, esse programa vem somar forças para beneficiar algumas localidades”. Declara o secretário.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de São Desidério, Jorge Cavalcante. “O Programa Água para Todos é muito importante, porque vai atingir aquelas comunidades mais humildes da zona rural que tem problemas de água com a estiagem que a Bahia vem sofrendo,  é um programa que vem agregar e contribuir com o potencial hídrico de São Desidério”. Garante, Cavalcante.

Os critérios para que as famílias sejam contempladas são: Estar inscrito no Cadastro Único do Bolsa Família; Ter uma renda per capta de até R$ 140,00; Não ter sido atendido com outro Programa que tenha a mesma finalidade; Morar na zona rural; A residência ser coberta com telhado de barro; Aposentados, que vivam exclusivamente de sua renda previdenciária, mesmo possuindo renda familiar per capta acima de R$ 140,00.



Compartilhe:

Comentários: