Tribuna discute saúde alimentar

Ascom

Os vereadores receberam na sessão desta quarta-feira (06/11) para uso da Tribuna Popular as representantes da Fundação Cargill, Emilia Moreno e da Fundação Abrinq, Cintia da Cunha, que falaram, dentre outras questões, a respeito da parceria no Projeto Conhecer para Nutrir.

A Fundação Cargill foi criada há 40 anos para ser o núcleo de ação social da empresa Cargill e tem elaborado projetos de combate à fome, à obesidade e ao desperdício de alimentos. Emília Moreno afirmou que o fato de um terço dos alimentos produzidos no mundo serem desperdiçados levantou a reflexão de como poderiam atuar no incentivo à segurança alimentar. Barreiras foi uma das cidades escolhidas para pôr a ação em prática, devido ao número de crianças subnutridas e com baixo peso.

A Abrinq é uma fundação sem fins lucrativos constituída há 23 anos e tem por meta mobilizar a sociedade para questões relacionadas aos direitos da infância e da adolescência, por meio de programas de estímulo a políticas públicas na área. Cintia Cunha afirmou que mais de cinco milhões de crianças no país já foram beneficiadas pelo trabalho da Fundação, pautada por ações que buscam acesso à educação, saúde, formação profissional, inclusão digital e proteção de direitos.

O Conhecer para Nutrir busca promover a boa alimentação das crianças até 5 anos, articulando governo e sociedade civil para capacitar agentes comunitários de saúde, cozinheiras e merendeiras de escolas a promover hábitos saudáveis e valorizar alimentos regionais. Cintia informou ainda que precisa do Poder Executivo para a assinatura de um termo de responsabilidade para garantir a continuidade do projeto.

A vereadora Karlúcia Macêdo cobrou mais uma vez o pagamento de salários atrasados dos servidores públicos do município e informou sobre a liminar concedida em favor do mandado de segurança por ela impetrado solicitando informações à secretaria municipal de finanças quanto à verba da educação e o impacto financeiro do Plano de Cargos e Salários do Magistério. Na sessão anterior os vereadores Alcione Rodrigues e Otoniel Teixeira já haviam comemorado liminar favorável a mandado de segurança requerendo do Executivo informações sobre os investimentos do primeiro semestre de 2013.

Foram aprovados:
Projeto de Lei 029/13, de autoria do vereador Ben-Hir, que estabelece dias e horários para carga e descarga de mercadorias por carros de transporte de médio e grande porte no centro comercial de Barreiras.
Projeto de Lei 060/13, de autoria da vereadora Marileide Carvalho, que dispõe sobre a criação da Escola Municipal de Formação de Condutores de Veículos Automotores (autoescola pública municipal).
Moção de aplauso ao artista plástico Ataliba Campos Lima, a pedido do vereador Gilson Rodrigues; Moção de Pesar a pedido dos vereadores Vivi Barbosa e Lúcio Carlos, pelo falecimento da Srª Lúcia Olimpia dos Santos; Moção de Pesar pelo falecimento da Srª Leny Alves Mendes, a pedido da vereadora Karlúcia Macêdo.


Compartilhe:

Comentários: