Vereadores cobram cumprimento da Lei dos 15 minutos

ASCOM

Na sessão ordinária de terça-feira (25/06), o vereador Eurico Queiroz criticou o não cumprimento em Barreiras da lei municipal 1003/2012, que determina aos bancos obrigações relativas a atendimento de usuários. A lei, originária do projeto 011/12, de autoria do vereador Tito obriga, dentre outros quesitos, que o período máximo de espera em fila para atendimento pessoal seja de 15 minutos. Segundo o vereador Eurico, de forma geral, os bancos também não realizam manutenção dos caixas eletrônicos a contento, o que contribui para a avaliação insatisfatória do serviço por parte dos cidadãos.

Demais vereadores apoiaram o pronunciamento, a exemplo do vereador Aguinaldo Junior, que criticou ainda a constante falta de água, banheiros sem funcionamento e assentos insuficientes; e da vereadora Marileide Carvalho, que afirmou serem descabidas as justificativas das agências, dando provas de ignorarem o Legislativo.

O presidente Tito informou que já enviou ofícios à secretaria municipal de finanças, pedindo rigor na viabilização do cumprimento da lei, e em caso de desobediência, que o Executivo haja na notificação e emissão de multas.

Foram aprovadas: moção de pesar pelo falecimento da senhora Guiomar Pereira Nunes, a pedido do vereador Otoniel Teixeira e moção de pesar pelo falecimento do senhor Enock Vieira, a pedido do vereador Aguinaldo Junior.


Compartilhe:

Comentários: