Bebida alcoólica é maior causa de pré-afogamentos no Carnaval

A maior parte dos casos (35) ocorreu na praia da Barra

Nos três primeiros dias de Carnaval, a Salvamar registrou 67 ocorrências de pré-afogamentos, a grande maioria motivada pelo excesso de consumo de álcool pelas vítimas. A maior parte dos casos (35) ocorreu na praia da Barra, seguida de Jardim de Alah e Aleluia, fora do circuito (25), além de sete casos ocorridos em Ondina (7).

O coordenador da Salvamar, João Luiz Moraes, revela que, por conta das chuvas que atingem a cidade, os números ainda são bem menores em relação ao Carnaval do ano passado, quando durante todos os dias de folia foram registradas cerca de 360 ocorrências.

“Estamos mantendo, ainda assim, os serviços de atendimento e orientação aos foliões, alertando para os devidos cuidados e atenção com as marcações realizadas através das bandeiras vermelhas indicando as áreas de maior risco”, contou.

A Salvamar instalou especialmente para o período do folia seis postos fixos e dois volantes no trecho Barra-Ondina. Todos funcionam 24 horas. No trecho fora do circuito da festa (de Jardim de Alah à Praia de Aleluia) foram montados 50 postos. Há ainda um posto na Ilha de Maré e o reforço da sede a unidade, em Patamares. O funcionamento é de 8h às 18h.

Fonte: Correio 24hrs

Imagem: Ilustração


Compartilhe:

Comentários: