Concursos: Cerca de 9 mil vagas podem ser abertas até o final do ano

Pelo menos 21 órgãos aguardam a autorização do Ministério do Planejamento para lançarem seus editais

Cerca de 8.788 vagas em concursos públicos podem ser abertas até o final deste ano em todo o Brasil. De acordo com o Folha Dirigida, 21 órgãos aguardam a autorização do Ministério do Planejamento para lançarem seus editais. Veja a lista dos concursos que podem ser abertos nos próximos dias:

MTE
O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) entrou com um pedido de realização de um novo concurso público ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. A solicitação foi para a autorização de abertura de 800 vagas para o cargo de auditor-fiscal do trabalho.

O cargo exige graduação em qualquer área de atuação, devidamente registrada e fornecida por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação. O salário inicial para a colocação é de R$14.965, para a carga de 40h semanais.

Agência Nacional de Águas (ANA)
A Agência Nacional de Águas (ANA) fez a solicitação de um novo concurso com 32 vagas para a carreira de analista administrativo, de nível superior. O último concurso da agência foi feito em 2012 para o cargo de técnico administrativo. Na época, os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas, nas disciplinas de Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Raciocínio Lógico-Quantitativo, Ética na Administração Pública, Recursos Hídricos – Legislação Aplicada, Direito Constitucional e Administrativo e Conhecimentos Específicos. Houve, ainda, exames discursivos e análise de títulos e de experiência profissional. A segunda etapa foi um curso de formação.

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)
Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) solicitou ao Ministério do Planejamento, a contratação de 3.080 novos servidores, sendo 2 mil técnicos e 1.080 peritos médicos previdenciários, mas o deputado Amauri Teixeira (PT/BA), que se reuniu com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, afirma que o aval somente será dado para a carreira de nível médio, com a oferta de 1.500 vagas. O cargo de técnico irá exigir  nível médio e oferece uma remuneração de R$4.400,87 (já contando com a gratificação de atividade Executiva e de desempenho de atividades do Seguro Social – 80 pontos).

Departamento Penitenciário Nacional (Depen)
O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) solicitou a abertura de 564 vagas para os cargos de agente penitenciário federal e especialista em assistência penitenciária. O cargo de agente penitenciário federal, exige apenas ensino médio completo e carteira de habilitação na categoria B ou superior. A remuneração inicial é de R$5.164,58. A carga de trabalho é de 40 horas semanais ou até 192 horas mensais, no caso de regime de plantões. As oportunidades para técnico e especialista são distribuídas por diferentes especialidades, sobretudo da área da Saúde. os salários para os cargos de nível médio/técnico são de R$3.521,84 e de nível superior é de R$5.022,60. As contratações são pelo regime estatutário, que prevê estabilidade, e os concursados fazem jus a benefícios como o auxílio-alimentação, de R$373, já incluído nas remunerações informadas.

Ministério das Comunicações
O pedido foi de vagas para os níveis médio e superior.  De acordo com o Folha Dirigida, os cargos não foram confirmados, porém a assessoria informou que as áreas que exigem graduação completa serão para os formados em Administração, Ciências Contábeis, Economia, Estatística e Arquivologia. A remuneração ficará entre R$ 2.800 e R$ 4.247 mensais, a previsão é de que o concurso seja realizado em 2015 e as vaga serão pedidas apenas para Brasília.

Ipea
O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) pediu ao Ministério do Planejamento, em razão da evasão e aposentadoria de seus servidores, autorização para realizar um concurso. O número de vagas, cargos pretendidos e possíveis estados a serem contemplados com a seleção não foram divulgados.

Dnit
O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) quer a realização de um novo concurso público para o preenchimento de 1.131 cargos vagos. A Assessoria de Imprensa do órgão não deu detalhes, tais como a distribuição das vagas pelos cargos.

ANTT
A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) solicitou 670 novas vagas, mas os cargos não foram divulgados.

Biblioteca Nacional
A Fundação Biblioteca Nacional (FBN), no Rio, tem a intenção de realizar uma nova seleção no ano que vem. O pedido ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) foi apresentado em 29 de maio e a expectativa é de que, nos próximos dias, o processo traga novidades. A FBN ainda não informou os cargos e o quantitativo de vagas solicitadas.

Ancine
A Agência Nacional de Cinema (Ancine) solicitou ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) autorização de um novo concurso. O número de vagas e os cargos que serão contemplados não foram divulgados. No entanto, é quase certo de que as oportunidades serão para os cargos de nível médio: técnico administrativo e técnico em regulação de atividade cinematográfica e audiovisual.

Jardim Botânico
O Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro (JBRJ) solicitou ao Ministério do Planejamento autorização para realização de concurso público para 33 vagas. O pedido está tramitando há um mês na Secretaria de Gestão Pública do ministério e se encontra em fase de análise. As funções solicitadas ainda não foram informadas pela Assessoria de Imprensa do Jardim Botânico.

Funai
A Fundação Nacional do Índio (Funai) solicitou ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) autorização para realizar um novo concurso público. O processo, atualmente, está no Departamento de Modelos Organizacionais e força de Trabalho nos Setores de Infraestrutura e de Articulação Governamental (Desig-Segep) do MPOG. Ainda não foram confirmados os cargos e salários que o certame irá oferecer, nem as regiões que serão contempladas.

Ministério da Ciência e Tecnologia
O Ministério da Ciência e Tecnologia da Inovação (MCTI) aguarda autorização para abrir um novo concurso com 572 vagas em cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior. De acordo com a Coordenação Geral de Recursos Humanos do MCTI, foram solicitadas vagas para os cargos de assistente em ciências e tecnologia (nível médio), técnico em ciências e tecnologia (nível médio/técnico), analista em ciências e tecnologia, tecnologista e pesquisador (todos de superior).

Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen)
A Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen) solicitou a autorização para realização de concurso  visando ao preenchimento de 495 vagas. Ainda não se sabe quais carreiras serão contempladas, porém os cargos existentes na autarquia são: analista em ciência e tecnologia, pesquisador, tecnologista – todos de nível superior – assistente em ciência e tecnologia, e técnico, ambos de nível médio ou médio/técnico (dependendo da especialidade).

Agência Brasileira de Inteligência (Abin)
A Agência Brasileira de Inteligência (Abin) espera ser autorizada a abrir concurso para preencher 470 vagas em cargos dos níveis médio e superior, a fim de suprir a carência em sua sede (Brasília) e nas superintendências estaduais, inclusive o Rio de Janeiro. Das 470 vagas, 120 são para cargos de nível médio, sendo 50 para agente e 70 para agente técnico. Leia mais AQUI

Funarte
A solicitação tramita na pasta desde o dia 29 de maio, e desde o dia 2 de junho, o processo está na Coordenação-Geral do Setor Social II (CGSS2/Desep/Segep). Questionada sobre o número de vagas solicitadas e os cargos que serão abrangidos no concurso, a Assessoria de Imprensa da entidade informou que ainda não tem informações para serem divulgadas.

Ministério da Cultura
O Ministério da Cultura (MinC) divulgou a tabela com a distribuição das 229 vagas solicitadas ao Ministério do Planejamento, para abertura de novo concurso. A meta é contratar 89 servidores em cargos de níveis médio e 140 em funções de nível superior. As remunerações iniciais variam de R$3.440,42 a R$6.330,28. A maior parte das oportunidades solicitadas contempla o cargo de analista técnico de políticas sociais, que exige graduação em qualquer em área. Foram requisitadas 100 vagas, com remuneração de R$6.330,28. Outro destaque é o cargo de agente administrativo. Para a função, que exige o nível médio e tem rendimentos de R$3.440,42, o Minc pediu 79 vagas.

PRF
O Ministério do Planejamento ainda está analisando o pedido de autorização de concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para 1.500 vagas de policial (nível superior). O processo referente à solicitação, cadastrado no último 30 de maio, está desde o dia 4 de junho no Departamento de Modelos Organizacionais e Força de Trabalho da secretaria. A seleção deverá ser realizada em 2015. O cargo de policial rodoviário federal é aberto a homens e mulheres e tem como requisitos o ensino superior completo em qualquer área e a carteira de habilitação, na categoria B em diante. Os ganhos no início da carreira são de R$6.791,25 mensais, já com o auxílio-alimentação, de R$373.

CNPq
O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) solicitou ao Ministério do Planejamento autorização para abertura de concurso visando ao preenchimento de 299 vagas nos cargos de assistente (nível médio) e analista (nível superior). O pedido foi protocolado no dia 27 de maio.

Previc
Tramita no Ministério do Planejamento pedido de concurso com 60 vagas para a Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc), que é vinculada ao Ministério da Previdência Social.

Ibram
O processo do concurso para o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) ainda está sob análise do Ministério do Planejamento. O pedido foi feito no dia 25 de maio e já passou por seis setores da pasta. O objetivo do Ibram é abrir 230 vagas, distribuídas pelos cargos de assistente técnico I (nível médio), analista I, técnico em assuntos culturais e educacionais (ambos nível superior). A remuneração atual, de acordo com o plano de cargos do Ministério da Cultura, é de R$3.191,02 para assistente e R$4.620,82 para técnico e analista, já inclusos os valores de gratificação e auxílio-alimentação, de R$373.

Fonte: iBahia


Compartilhe:

Comentários: