Congresso aprova mais etanol misturado à gasolina

A medida pode reduzir o preço dos combustíveis

A Comissão mista do Congresso responsável pela análise da Medida Provisória 647/14 aprovou, ontem, relatório do deputado Arnaldo Jardim (PPS-SP) que versa sobre o aumento dos percentuais de biodiesel e de etanol misturados ao óleo diesel e à gasolina. 

No caso do anidro, o teto foi de 25% para 27,5%, enquanto o piso foi mantido em 18%. O governo poderá autorizar essa mistura desde que constatada a viabilidade técnica. Por enquanto, a lei estabelece o intervalo entre 18% e 25%. A medida pode reduzir o preço dos combustíveis.

Fonte: Correio da Bahia


Compartilhe:

Comentários: