Drone encontra idoso desaparecido em apenas 20 minutos e supera a polícia

Especialistas acreditam que veículo aéreo não tripulado pode ser útil para salvar vidas

Um idoso de 82 anos sumiu em uma fazenda Wisconsin, localizado na região centro-oeste dos Estados Unidos. O desaparecimento ocorreu na última semana e o mistério só foi desvendado graças a um drone, espécie de veículo aéreo não tripulado.

Helicópteros da polícia, voluntários e cães farejadores foram utilizados nas buscas, mas Guillermo DeVenecia, que sofre de mal de Alzheimer, foi encontrado após 20 minutos de acionamento do drone.

Arthur Holland Michel, o fundador do Centro de Estudos de Drones no Bard College, diz que o caso prova que drones podem ser úteis para salvar vidas, como ocorreu com um canadense salvo pela polícia em 2013.

O receio das instituições, no entanto, é que os aparelhos sejam utilizados para espionagem, infringindo a privacidade das pessoas ou para fins perigosos, como os robôs armados voltados para os militares. No Brasil, a Anac pretende regulamentar o uso de drones no segundo semestre de 2014.

Fonte: iBahia


Compartilhe:

Comentários: