Em caso de greve, frota reserva de ônibus será acionada, afirma prefeitura

Segundo o secretário, a manifestação realizada ontem nas estações Mussurunga e Pirajá não atrapalhou a operação dos coletivos

Em entrevista coletiva cedida na Sala de Imprensa Oficial do Carnaval, na manhã desta sexta-feira (13), o gestor da Secretaria de Mobilidade (Semob), Fábio Mota, afirmou que o órgão já está preparado para conter uma possível paralisação dos rodoviários. Será acionada uma frota reserva de veículos para substituir as linhas afetadas caso isso ocorra.

Segundo o secretário, a manifestação realizada ontem nas estações Mussurunga e Pirajá não atrapalhou a operação dos coletivos, que registrou 1,3 milhão de pessoas transportadas. “Não houve nenhum prejuízo nem descontinuidade do serviço”, enfatizou Fábio Mota.

Hoje pela manhã o gestor participou de uma reunião com o Sindicato Patronal e dos Rodoviários, que reiteraram não apoiar o movimento. “A ação vem sendo feita por grupos isolados. São cerca de 50 rodoviários envolvidos. Caso venha a ocorrer, colocamos nosso plano de ação em prática para não causar prejuízos a população.”, finalizou.

Paralisação
Os rodoviários de Salvador realizaram uma paralisação na noite da última quinta-feira (12) na Estação da Mussurunga e na Estação Pirajá por conta do valor da gratificação que irão receber neste carnaval. De acordo com um rodoviário, que preferiu não se identificar, as estações Mussurunga e Pirajá permanecerão fechadas e outras estações também devem ser paralisadas ainda esta noite.

Os rodoviários afirmam que foi prometido um valor de R$100 pela diária de Carnaval mas souberam nesta quinta que será pago somente R$ 41.

Fonte: iBahia

 


Compartilhe:

Comentários: