Fundação Bill Gates diz que não está processando a Petrobras

Em nota, a fundação diz que ação judicial não foi movida por ela.
Segundo ministra, Gates explicou mal entendido em encontro com Dilma.

A Fundação Gates negou em nota oficial estar processando a Petrobras. “Ao contrário do que alguns veículos de comunicação noticiaram, a Gates Foundation não está processando a Petrobras”, diz o comunicado.

Na sexta-feira (25), informações davam conta de que a fundação do homem mais rico do mundo (segundo a revista Forbes) tinha iniciado uma ação legal contra a estatal brasileirapara recuperar perdas com ações da petroleira decorrentes do escândalo bilionário de corrupção investigado pela operação Lava Jato.

Segundo a agência Reuters, a queixa foi registrada na quinta-feira (24) à noite na corte federal de Manhattan, afirmando que “o esquema de suborno e lavagem de dinheiro” causou à Fundação Gates e a outro autor, WGI Emerging Markets Fund LLC, uma perda de dezenas de milhões de dólares, investidos da petroleira. A ação, no entanto, é de um administrador externo, segundo a Fundação.

A Fundação Gates explicou em nota oficial que o processo não foi aberto pela Bill & Melinda Gates, que é uma das maiores organizações de caridade do mundo, com doações de US$ 41,3 bilhões.

“A ação judicial se refere a investimentos feitos por um administrador externo, que investe em nome do fundo que detém ativos que dão suporte às atividades da fundação. O gerente externo e os ativos são completamente separados da Gates Foundation”, diz a nota oficial.

Ministra fala em mal entendido
Bill Gates se encontrou na noite de domingo (27) com a presidente Dilma Rousseff, em Nova York.

Segundo a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, o fundador da Microsoft explicou à presidente que se tratou de um mal entendido.

“Eles deixaram claro que foi um mal entendido e não é responsabilidade da fundação”, disse a ministra a jornalistas após o encontro.

Fonte: G1


Compartilhe:

Comentários: