Governo tenta reduzir impacto da seca

Infraestrutura hídrica, reservatório para alimentação animal e mecanização agrícola foram as principais ações que o governo da Bahia entregou para os municípios do Território Bacia do Jacuípe, durante evento em Ipirá, nessa segunda-feira (16/9). O conjunto visa ao desenvolvimento do semiárido e à melhoria das condições de vida da população da zona rural. Representaram o governo baiano os secretários Rui Costa (Casa Civil) e Robinson Almeida (Comunicação Social).

Para o abastecimento de água, foi autorizada a implantação de dois novos sistemas, beneficiando 324 pessoas das localidades de Laje e Santo Antônio, no município de Serra Preta, numa intervenção com investimento de R$ 190 mil.

A entrega de 230 mil mudas de palma, via programa Segurança Alimentar do Rebanho da Agricultura Familiar, beneficiou agricultores familiares de toda a região. Cada um recebeu mil mudas para o plantio adensado. O agricultor de Ipirá, José Mascarenhas, conhecido como Zequinha, comemorou a entrega. “Quem não tem palma e mandacaru não consegue alimentar seu gado. Minha terra está pronta para receber as mil mudas”.

Rui Costa, que coordena as ações de convivência com o semiárido, falou sobre as frentes de atuação que o governo promove para o desenvolvimento da região. “Essas medidas consolidam o trabalho em prol da convivência. Estamos preparando os agricultores familiares para que eles tenham condições de continuar a produzir em períodos de estiagem”.

Robinson Almeida ressaltou que as ações também promovem inclusão sócio-econômica na região. “São ações como esta que auxiliam na promoção do desenvolvimento do homem e da mulher do campo. Com infraestrutura e medidas inclusivas, o Governo do Estado minimiza os efeitos da seca para o sertanejo e estimula a produção”, destacou.

Um conjunto de máquinas composto por retroescavadeira, pá-carregadeira, escavadeira hidráulica e caminhão-caçamba beneficiou o Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Território Bacia do Jacuípe, presidido pelo prefeito de Quixabeira, Eliezer Costa. As máquinas vão para os 14 municípios do território. Para esta compra, o governo investiu R$ 1,5 milhão.

Também foram entregues 126 títulos de regularização fundiária para agricultores familiares. E ainda um trator (R$ 72 mil) para a Cooperativa Agroindustrial de Agricultura Familiar e Reforma Agrária de Ipirá, beneficiando 480 famílias. “Este trator nos ajuda, porque muita gente não tem recurso para arar a terra. O trator vai aumentar a nossa capacidade de atendimento”, destacou o presidente da cooperativa, José Raimundo Santana.

Fonte: Tribuna da Bahia

Imagem: Ilustração


Compartilhe:

Comentários: