Jovem capixaba leva golpe de jiu-jitsu e perde movimentos de braços e pernas

Gabriel Diniz, de 15 anos, está internado com lesões na terceira e quarta vértebras

No último dia 4 de agosto, o jovem Gabriel Diniz, de 15 anos, viu seu sonho de se tornar um grande campeão de jiu-jitsu interrompido por um duro golpe, que lhe tirou os movimentos dos braços e das pernas, durante um campeonato em Vitória (ES). O menino segue internado em um hospital particular de Vila Velha (ES) e não há previsão de reversão no quadro de tetraplegia.

Nas redes sociais, o menino vivia declarando seu amor às artes marciais. Entenda o caso

O acidente aconteceu no início do mês durante as semifinais da segunda etapa do Campeonato Capixaba de Jiu-Jítsu, no ginásio Jones dos Santos Neves, em Vitória (ES). Apesar da pouca idade, Gabriel tentou a sorte entre os profissionais e teve a terceira e quarta vértebras fraturadas após sofrer um golpe do oponente Wesley Marques, de 19 anos, e cair de costas no tatame. O jovem perdeu os movimentos do pescoço pra baixo.

Segundo os médicos do hospital de Vilha Velha (ES), onde Gabriel segue internado, o objetivo agora á diminuir as lesões medulares, mas não é possível garantir que Gabriel poderá recuperar os movimentos.

Em seu perfil no Facebook, Gabriel sempre demonstrou seu amor ao esporte. Em várias fotos, o jovem lutador de jiu-jitsu aparece no lugar mais alto do pódio.

O jovem está consciente e agradeceu às preces de todos os amigos e familiares. Gabriel (de branco, à esq.) acredita que poderá se recuperar e voltar aos tatames.

Em seu Facebook, Gabriel Diniz (último à dir.) costuma exibir as brincadeiras com seus amigos, na cidade de Alegre (ES).

Após a fatalidade, Agnaldo Goes, presidente da  FJJES (Federação de Jiu-Jítsu do Espírito Santo FJJES), garantiu que adolescentes não poderão mais disputar campeonatos entre os profissionais.

Fonte: R7


Compartilhe:

Comentários: