Moda agora é colocar aparelho dental em cães e gatos

Vamos conversar um pouco sobre esse assunto devido vários pacientes terem questionado, em nossas clínicas, como podem fazer para colocar aparelho em seus cachorrinhos. Querem saber se é o mesmo procedimento ou quanto custa, quanto tempo de uso e se realmente funciona. Por ser um assunto completamente fora de minha especialidade ou mesmo da odontologia, tive que pedir ajuda para os profissionais que realmente trabalham e são especializados nesse tipo de procedimento. Então vamos saber como colocar aparelho dental no seu cachorro.

Para começarmos: o dentista, especialista em ortodontia, só pode atender ou tratar em sua clínica “seres humanos”. Existe uma série de regras éticas e de cuidados com a saúde que proíbem o dentista de atender qualquer ser que não seja humano e isso inclui os animais de estimação. O profissional responsável por essa colocação do aparelho dental no seu cachorro é o veterinário.

Outro fator importante é que o aparelho dental pode ser colocado em seu cachorro e também em gatos. É uma técnica simplificada, parecida com a que os ortodontistas usam mas feita de forma mais especifica para atender às necessidades dos animais.

Características do aparelho dental para cães e gatos:

– Aparelho deve ser o mais fixo e resistente possível para não depender da cooperação do paciente.
– Tratamento tem que ser rápido e eficaz. Forças grandes para mover dentes rapidamente mas controladas para que não sejam perdidos. O tratamento pode variar em torno de 4 meses.
– O dono do animalzinho tem que triplicar os cuidados com a limpeza ao longo do tratamento devido o aumento no índice de acúmulo de restos de alimento o que pode provocar consequências catastróficas.
– Colocação para uma grande variedade de raças e não possui fatores estéticos. Deve ser aconselhada para animais com problemas dentários que possam causar danos ao organismo e não para deixar seu animalzinho mais bonitinho.

Acredito que com essas informações os pacientes vão ficar mais tranquilos e saber o que fazer quando estiverem incomodados com a dentição dos seus bichinhos de estimação. Nós ortodontistas somos responsáveis pelo tratamento humano e nossos veterinários são responsáveis pelo atendimento aos nossos bichinhos. Entendo que alguns tratam os bichinhos de estimação como se fossem gente mas do ponto de vista prático isso não deve ser aplicado.

Acredito que poucos casos realmente são necessários. Tome cuidado para não maltratar seu bichinho de estimação com algo que não é necessário e só serve para deixar você feliz. O bichinho sofre por não entender nem aceitar certos erros que seu dono comete.

Fonte: Tribuna da Bahia


Compartilhe:

Comentários: