Motociclistas passam a ter direito a adicional de periculosidade

A partir desta terça-feira (14), quem trabalha como motociclista terá direito a receber adiconal de periculosidade. O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) publica no Diário Oficial desta terça-feira (14) a novidade.

Os motociclistas que utilizam o veículo como ferramenta de trabalho terão direito a receber um adicional de 30%, sem os acréscimos resultantes de gratificações, prêmios ou participações nos lucros da empresa.

O Ministério do Trabalho formou um grupo técnico que submeteu o assunto à consulta pública por 60 dias.

Fonte: Tribuna da Bahia

Imagem: Ilustração


Compartilhe:

Comentários: