OAB-BA pede que governo e PM ‘combatam a disseminação de boatos pelas redes sociais’

A Ordem dos Advogados do Brasil na Bahia (OAB-BA) pediu ao governo e às lideranças da Polícia Militar – que deflagrou greve nesta terça-feira (16) –  que “combatam a disseminação de boatos pelas redes sociais, especialmente pela internet, evitando provocar pânico na população e os prejuízos dele decorrentes”.

O pedido foi feito em nota pública enviada nesta quarta-feira (16), em que a ordem pede, ainda, que ambos “protejam os valores, princípios e regras que emanam da Constituição Federal; garantam a manutenção da ordem e da segurança públicas das cidadãs e dos cidadãos baianos; e empreendam todos os esforços necessários para o retorno rápido e pacífico dos policiais às suas atividades normais”.

Ao Bahia Notícias, o vice-presidente da OAB-BA, Fabricio Castro, disse que a única preocupação do órgão agora é “a paz, a segurança e a ordem”. “Deixa ver como as coisas vão evoluir. Esperamos que se encontre um caminha de mediação entre as partes”, concluiu.

Fonte: Bahia Noticia

Imagem: Ilustração


Compartilhe:

Comentários: