PF deflagra operação contra tráfico de drogas sintéticas

Anfetaminas estão entre as drogas sintetizadas pela quadrilha - Foto: Reprodução Internet

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta quinta-feira, 27, uma operação de combate a uma quadrilha especializada em tráfico de drogas sintéticas. Batizada de “Quinto Elemento”, a ação envolve 400 policiais de diversas regiões do país para cumprir 145 mandados judiciais nos estados da Bahia, Goiás, São Paulo, Paraná, Tocantins, Minas Gerais e no Distrito Federal.

Segundo informações da PF, são 30 mandados de prisão temporária, 8 mandados de prisão preventiva, 40 mandados de condução coercitiva, 55 mandados de busca e apreensão e 12 sequestro de bens imóveis, incluindo um prédio residencial de 20 apartamentos.

A quadrilha comprava produtos químicos por meio de empresas regularizadas para, em seguida, sintetizar diferentes tipos de drogas, como anfetaminas e cocaína. Participavam do esquema farmácias, laboratórios e vendedores, que utilizavam carros de luxo para comercializar a droga.

Durante as investigações os policiais federais desmontaram oito laboratórios, alguns deles com grande capacidade de produção de drogas: em apenas um deles, foram apreendidos cerca de 630 mil de comprimidos conhecidos como “ecstasy do Paraguai”, que leva o usuário a quadros de insônia e depressão, prontos para o consumo.

Outro laboratório foi surpreendido produzindo aproximadamente 800 mil comprimidos. Em apenas oito meses, um dos laboratórios gerenciados pela organização movimentou cerca de R$ 240 milhões.

A droga apreendida em apenas um dos laboratórios é superior à quantidade apreendida pela PF durante todo o ano de 2015.

Os integrantes do esquema vão responder por tráfico de drogas, associação para o tráfico, falsidade ideológica e tráfico de produtos químicos para a produção de drogas.

Mais informações sobre a operação serão divulgadas logo mais, às 10h30, durante coletiva de imprensa realizada pela PF em Goiânia (GO).

Fonte: Portal A Tarde


Compartilhe:

Comentários: