Preço da cesta básica paulistana sobe 1,96% em outubro, diz Procon

Valor passou de R$ 369,63 em setembro para R$ 376,87 em outubro.
Farinha de mandioca torrada foi item que mais subiu: com alta de 11,20%.

 O valor da cesta básica paulistana teve alta de 1,96% em outubro, aponta nesta quinta-feira (14) a Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania.

O preço médio, que no dia 30 de setembro era de R$ 369,63, passou para R$ 376,87 em 31 de outubro, diz o levantamento, feito em convênio com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Por grupo, foram constatadas as seguintes variações: alimentação com alta de 1,85%, limpeza com crescimento de 2,12% e higiene pessoal, com alta de 2,77%.

No ano, há recuo de 0,10% e, nos últimos 12 meses, de 1,35%.

Em outubro, os produtos que mais subiram foram farinha de mandioca torrada (pacote 500g), com alta de 11,20%, açúcar refinado (pacote 5 kg), com elevação de 9,63%, leite em pó integral (embalagem 400-500 g), com alta de  7,72%, creme dental (tubo 90g), com elevação de 6,15%, e queijo muçarela fatiado (kg), com aumento de 5,24%.

Fonte: G1

Imagem: Ilustração


Compartilhe:

Comentários: