Prefeito disponibiliza carros-pipa de terceirizadas e cobra solução: “é inadmissível”

Dezenas de bairros, principalmente na Cidade Baixa, estão sem água há 5 dias. O restante da cidade está em estado de alerta e pode ficar sem abastecimento a qualquer momento

A prefeitura de Salvador disponibilizou, nesta segunda-feira (6), todos os carros-pipa das empresas que prestam serviços ao município, nas mais diferentes áreas, para auxiliar o transporte de água para os bairros que estão sofrendo com a falta de água na capital.

O prefeito ACM Neto criticou o atraso no reparo do vazamento da adutora e cobrou mais empenho da Embasa e da CCR Metrô, que estão à frente das obras. “Neste momento de caos no abastecimento provocado pela CCR e Embasa, a Prefeitura se solidariza com as famílias. No entanto, é preciso que as empresas apresentem soluções imediatas e não fiquem apenas distribuindo notas para a imprensa”, disse Neto.

Onde está faltando água em Salvador?

Dezenas de bairros, principalmente na Cidade Baixa, estão sem água há 6 dias. O restante da cidade está em estado de alerta e pode ficar sem abastecimento a qualquer momento. Ainda não há previsão para a conclusão da nova rede de dutos que voltará a abastecer a cidade.

“Fatalidades podem acontecer, mas, depois de cinco dias, é inadmissível que a CCR e a Embasa não tenham tido capacidade para produzir uma solução. Não podemos deixar de externar nossa indignação com as duas empresas, que têm desrespeitado sobretudo a população mais pobre”, afirmou o prefeito.

A Embasa suspendeu os reparos na adutora principal que foi danificada após riscos de deslizamento de terra. A rede de distribuição alternativa terá 500 metros de extensão e 1,5 metro de diâmetro. A Embasa já havia reforçado o número de carros-pipa para a distribuição, trazendo alguns do interior. Segundo a empresa, o novo trecho de dutos que está sendo implantado seria suficiente para restabelecer o fornecimento até que seja reparado por completo o ponto onde o problema começou.

Na operação estão envolvidas cerca de 270 pessoas. O trabalho no local tem sido diuturno. Na tarde deste domingo (5),  mais de 100 profissionais trabalhavam na escavação do terreno e no corte de tubulações.

No canteiro de obras era possível contar 12 tratores, mais de 15 caminhões além de carros-pipa e de terraplanagem. No local, a necessidade de economia de água era reforçada até mesmo em um aviso ao lado do bebedouro para funcionários.

O desabastecimento que afeta cerca de 60% da cidade, começou na última quarta-feira, quando uma adutora se rompeu nas obras do metrô, na BR-324.

Confira abaixo a relação de bairros/localidades de Salvador que podem ser afetados:

Alto das Pombas, Av. Centenário, Av. Garibaldi, Av. Vasco da Gama, Barra, Calabar, Av. Centenário, Chame-Chame, Av. Garibaldi, Ondina, Barra Avenida, Campo Grande, Canela, Engenho Velho da Federação, Federação, Gamboa, Garcia, Graça, Jardim Apipema, Rio Vermelho, Vitória, Amaralina, Candeal, Chapada, Cidade Jardim, Cidadela, Horto Florestal, Iguatemi, Itaigara, Nordeste de Amaralina, Parque Bela Vista, Pituba, Santa Cruz, Vale das Pedrinhas.

Calçada, Comércio, Baixa de Quintas, Baixa dos Sapateiros, Av. Djalma Dutra, Dois Leões, Estrada da Rainha, Santo Agostinho, Sete Portas, Barbalho, Caixa D´água, Iapi, Lapinha, Liberdade, Macaubas, Nazaré, Pau Miúdo, Pero Vaz, Santo Antônio, Saúde, Sieiro, Barroquinha.

Centro, Centro Histórico, Jardim Baiano, Tororó, Acupe de Brotas, Alto do Saldanha, Av. Barros Reis, Boa Vista de Brotas, Av. Bonocô, Brotas, Campinas de Brotas, Cidade Nova, Cosme de Farias, Daniel Lisboa, Engenho Velho de Brotas, Loteamento Santa Tereza, Luis Anselmo, Matatu, Av. Ogunjá, Santo Agostinho, Vila Laura.

Bonfim, Monte Serrat, Mares, Boa Viagem, Jardim Cruzeiro, Lobato, Caminho de Areia, Baixa do Fiscal, Ribeira, Massaranduba, Roma, Uruguai, Joanes Leste, Vila Rui Barbosa, São Caetano, Boa Vista do São Caetano, Capelinha, Alto do Peru e Fazenda Grande do Retiro, Curuzu, Santa Mônica, Guarany, Largo do Tanque, San Martins, Bom Juá, Retiro, Pernambués, Arraial do Retiro, Engomadeira, Saramandaia, Cabula, Resgate, Tancredo Neves, Doron, Saboeiro, Narandiba,  Arenoso, Santo Inácio, Calabetão, Mata Escura, Sussuarana, Barreiras e São Gonçalo.

Fonte: Portal A Tarde


Compartilhe:

Comentários: