Rampas irregulares dificultam a circulação de pessoas em Salvador

Em algumas ruas da capital baiana, os motoristas precisam fazer um verdadeiro malabarismo com o carro para conseguir transitar. As lombadas  espalhadas pela cidade são, para muitos ao volante, um verdadeiro transtorno e causam danos aos veículos. Na Ladeira da União, no Engenho Velho de Brotas, uma rampa vem causando incomodos aos transeuntes.

A Ladeira da União é repleta de buracos e carros estacionados nas laterais. Para dificultar mais ainda a situação do motorista que precisa passar pelo local, uma rampa foi construída por um morador, e chega a tomar uma parte significativa da calçada.

“Quando desço sentido Dique do Tororó, tenho que passar pela ladeira e é sempre um transtorno passar pela rampa. Tem que passar devagarzinho para não danificar o carro. Ainda tem um poste na frente. Estou vendo a hora de acontecer um acidente”, desabafou um motorista que preferiu não se identificar.

A equipe de reportagem da Tribuna constatou que há mais rampas tomando parte da rua, além de passeios. Ao questionar alguns moradores, eles informaram que as irregularidades não atrapalham.  “Há garagens internas, e rampas precisam ser construídas para que o carro entre. A maioria das pessoas que precisam passar de carro nessa rua é moradores. Já estamos acostumados, não interfere em nada”, disse o morador Jailson Moreira, 45.

A TB entrou em contato com assessoria de comunicação da Superintendência de Controle e Ordenamento do Uso do Solo do Município (Sucom) e  órgão informou que será encaminhado uma equipe de fiscalização para averiguar a situação da Ladeira da União.

Fonte: Tribuna da Bahia

Imagem: Ilustração


Compartilhe:

Comentários: