Reunião em Brasília em pleno domingo discute cortes no orçamento

A presidente Dilma Rousseff convocou uma reunião no Palácio da Alvorada.
Governo quer garantir recursos para o pagar os juros da dívida pública.

A equipe econômica fez hora extra no domingo (17). A presidente Dilma Rousseff convocou uma reunião no Palácio da Alvorada, para discutir os cortes no orçamento.

A reunião durou cerca de 4 horas. A presidente Dilma Rousseff conversou com os ministros Chefe da Casa Civil, Aloísio Mercadante, do Planejamento, Nelson Barbosa, e da Fazenda, Joaquim Levy. Eles saíram do Palácio da Alvorada sem conversar com os jornalistas.

O governo quer garantir recursos para o pagamento dos juros da dívida pública, o superávit primário, mandou algumas Medidas Provisórias do ajuste fiscal para o Congresso Nacional, mas enfrenta dificuldades nas votações, por isso, estuda os cortes no orçamento.

O Ministério da Fazenda chegou a analisar um corte de cerca de R$ 60 bilhões para evitar a paralisação de programas considerados importantes pelo governo, mas agora já defende um contingenciamento maior, de cerca de R$ 78 bilhões.

O anúncio do tamanho no corte do orçamento e que áreas devem ser atingidas deve ser feito pela presidente Dilma Rousseff até o fim desta semana.

Fonte: G1 / Hora 1


Compartilhe:

Comentários: