Salão do Estudante destaca intercâmbio

A feira itinerante recebeu centenas de estudantesEstudantes que sonham em fazer intercâmbio e que querem aperfeiçoar uma língua estrangeira puderam sanar as dúvidas no Salão do Estudante, que aconteceu na tarde de ontem (20), no Hotel Pestana. Além de tirar dúvidas e assistir palestras, os estudantes conheceram os pacotes promocionais disponibilizados pelas agências. Centenas de pais e estudantes foram ao evento conhecer as novas oportunidades.

Voltada para intercambistas, a feira itinerante, que já passou por São Paulo e Recife, chega a Salvador trazendo quase 50 expositores representando mais de 20 países. De acordo com o gerente de marketing do Salão do Estudante, Túlio Lima, nunca houve tantas universidades fora do país como nesta edição.

“Além de termos todas as melhores agências para apresentar aos que querem estudar, temos alguns órgãos governamentais da França, Inglaterra e dos Estados Unidos. Estamos percebendo uma mudança no público. As pessoas já estão falando melhor as línguas e querendo estudar fora em um nível de graduação”, explica Túlio Lima. Na feira, muitas empresas aproveitam para lançar pacotes com descontos, como afirma a diretora da agência Experimento em Salvador, Ludmila Teles.

“A Experimento trará as melhores oportunidades, com preços e condições convidativos, que cabem em todos os tipos de orçamento. Antigamente esse tipo de experiência era exclusivo para a classe A, B. Hoje, buscamos popularizar o serviço e oferecer oportunidades a todos”, disse.

Programação

Com mais de 65 destinos, a escola ELS Language Centers apresenta a ideia inicial para o estudante e marca em uma de suas lojas para conversar e discutir sobre os programas. O director of recruitment & partner support for Brazil, Eddy Leite, explica que, antes de qualquer outra coisa, o estudante precisa focar na programação.

“Explicamos ao pessoal que é importante o planejamento e mostramos os procedimentos. Na feira é um momento que eles vêm e pegam informações básicas sobre o programa e nossos destinos. Muitas vezes, na semana seguinte, eles acabam visitando nossos agentes nas lojas de Salvador”, explica.

Ainda segundo informações de Eddy Leite, fazer intercâmbio está muito mais acessível. “Um curso, por exemplo, no Canadá, está na faixa de USD 2.300 um mês de curso. Na parte da acomodação USD 680. Então é um valor acessível pro estudante que está querendo ir pra fora”, afirma Eddy.

O estudante de administração Felipe Marques, 24, classificou o Salão do Estudante como algo positivo e com valores acessíveis. “Pra quem tem o foco em fazer um curso de idiomas fora, achei bem interessante, até pela diversidade de empresas. Com vários stands de vários países tirando dúvidas, fica mais fácil decidir pra onde quer ir”, afirma o estudante.

Felipe, que ainda não tinha decidido qual cidade faria intercâmbio, saiu da feira com a decisão tomada. “Sempre soube que queria ir para os Estados Unidos, mas ficava na dúvida de qual cidade. Ouvindo um pouquinho aqui e ali, decidi que San Diego é o lugar que quero ir cursar seis meses de línguas”, afirma.

Além de tirar dúvidas e assistir as palestras, os estudantes ganharam kits com cadernos explicativos sobre os programas de algumas agências. De Salvador, o Salão do Estudante segue para Curitiba, passando ainda por Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre.

Fonte: Tribuna da Bahia


Compartilhe:

Comentários: