USP assina acordo de cooperação com o MEC para participar do Enade

Parceria vai permitir desenvolver pesquisas sobre sistema de avaliação.
Acordo foi publicado nesta quarta-feira no ‘Diário Oficial da União’.

FFLCH-USP (Foto: Francisco Emolo/Jornal da USP/USP Imagens)A Universidade de São Paulo (USP) assinou um acordo de cooperação técnica com o Ministério da Educação para acompanhar o ciclo de avaliações de cursos superiores feitos pelo MEC. O acordo prevê a participação dos estudantes da USP no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) de forma experimental. O extrato do acordo foi publicado nesta quarta-feira (7) no “Diário Oficial da União” e tem validade de três anos.

Segundo o acordo, a USP vai criar em parceria com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) um projeto experimental para desenvolver estudos e pesquisas aprofundadas sobre o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), em especial o Enade. O  acordo foi assinado pelo ministro da Educação Aloizio Mercadante, pelo presidente do Inep, Luiz Cláudio Costa, e pelo reitor da USP e João Grandino Rodas.

O Enade é uma avaliação feita nos cursos superiores para medir o rendimento dos alunos dos cursos de graduação em relação aos conteúdos programáticos, suas habilidades e competências. Até então, a USP não havia aderido ao exame. As outras universidades estaduais paulistas, Unicamp e Unesp, participam da avaliação do governo federal.

O exame faz parte do Sinaes, formado por três componentes principais: a avaliação das instituições, dos cursos e do desempenho dos estudantes. O Sinaes avalia todos os aspectos que giram em torno desses três eixos: o ensino, a pesquisa, a extensão, a responsabilidade social, o desempenho dos alunos, a gestão da instituição, o corpo docente, as instalações e vários outros aspectos. Inclui, além do Enade, auto-avaliação, avaliação externa, censo e cadastro. Os resultados das avaliações possibilitam traçar um panorama da qualidade dos cursos e instituições de educação superior no País.

Inscrições abertas
O acordo vale já para a próxima edição do Enade. As instituições podem inscrever seus alunos até o dia 16. As provas serão aplicadas no dia 24 de novembro. esta edição do Enade, será avaliado o desempenho dos estudantes de bacharelado em agronomia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social e zootecnia. O exame também avaliará os cursos de tecnólogo em agronegócio, gestão hospitalar, gestão ambiental e radiologia.

Os seguintes alunos devem participar das provas:
• Ingressantes que tenham iniciado o respectivo curso este ano
• Concluintes dos cursos de bacharelado que tenham expectativa de conclusão do curso até julho de 2014
• Estudantes que tiverem concluído mais de 80% da carga horária mínima do currículo do curso até o fim do período de inscrição
• Estudantes de cursos superiores de tecnologia com expectativa de conclusão até dezembro de 2013
• Estudantes que tiverem concluído mais de 75% da carga horária mínima do currículo do curso até 16 de agosto

Fonte: G1


Compartilhe:

Comentários: