Campanha no Oeste arrecada alimentos e equipamentos para ajudar brigadistas na Chapada

Campanha solidária “Oeste da Bahia pela Chapada Diamantina” tem pontos de coleta em Barreiras e Luís Eduardo Magalhães. Brigadistas precisam de equipamentos como botas, luvas e roupas anti-chamas

12278686_1093962680615531_8026352236941980353_nessa

Alimentos arrecadados para os brigadistas (Fotos: Divulgação)

Cheilla Gobi DRT-4871/BA

Preocupado com a destruição que o incêndio vem causando no Parque Nacional da Chapada Diamantina, um grupo de apenas três mulheres se mobilizou e iniciou uma campanha solidária “Oeste da Bahia pela Chapada Diamantina”. A ação iniciada no dia 17/11 segue arrecadando até quinta-feira, 19.

A iniciativa da jornalista Vigília Vieira, da publicitária Yurika Hidaka e da engenheira ambiental Aline Leão, conta com dois pontos de coleta, sendo um em Barreiras e outro em Luís Eduardo12003860_1093962650615534_8019934771631381020_nessa Magalhães e tem como objetivo arrecadar alimentos para os brigadistas, além de materiais para combater o fogo, como botas, luvas, roupas anti-chamas, pilhas, lanternas, água potável, leite em caixa e biscoitos.

“Nós nos sensibilizamos com a situação que a Chapada vem enfrentando nos últimos dias e resolvemos lançar essa campanha. A ação termina hoje, foram apenas três dias de mobilização aqui na região, mas que surtiu um grande efeito. Temos certeza que o nosso empenho irá contribuir com o trabalho dos brigadistas”, disse uma das organizadoras da campanha, Vigília Vieira.

Pelo menos seis cidades da Chapada Diamantina continuam em estado de alerta por causa dos incêndios que já destruíram uma área de 2 mil hectares. Focos de incêndio foram localizados nas cidades de Ibicoara, Ibitiara, Iraquara, Lençóis, Morro do Chapéu, Mucugê e Palmeiras.

Equipes de brigadistas voluntários e os brigadistas profissionais chegam a trabalhar até 10 horas por dia. Seis aviões e três helicópteros estão sendo usados na operação.

Segundo informações divulgadas no G1, o chefe do Parque Nacional da Chapada, César Gonçalves garante que as chamas foram provocadas pela ação do homem.12239626_1093962700615529_3403938400591637622_nessa

Ajude a cuidar da Chapada

A Chapada Diamantina é considerada um dos ecossistemas mais ricos do mundo. O Parque Nacional é responsável por conservar nascentes importantes, que abastecem 60% da população da região metropolitana da capital baiana. Este é o segundo grande incêndio registrado no Parque Nacional em menos de três meses. Em setembro, o fogo demorou uma semana para ser controlado e destruiu uma área de cerca de nove mil campos de futebol.

A Chapada está em chamas! Essa é a hora de ajudar a cuidar dela.

Pontos de entrega

Na Zorzo, localizada no Centro de Barreiras, das 10 às 23h. Em Luís Eduardo Magalhães, Yogo Frosem (Centro), das 12 às 22h.

Contatos: 77 9999-2703 (Yurika) – 61 98241-7778 (Aline) – 77 99996-1982 (Vigília)

Em dinheiro: CC – Banco do Brasil – Brigada de Resgate Ambiental de Lençóis. CNPJ: 07.087.037/0001-48. Agência: 0251-8/CC: 12619-5

Toda contribuição é bem vinda!


Compartilhe:

Comentários: