Cerca de 3 mil empresas buscaram atendimento do Sebrae em Barreiras

Mesmo diante da pandemia, empreendimentos receberam cursos e consultorias online


Por: Silvania Costa

 Com a meta de trabalhar sempre para o desenvolvimento do micro e pequeno negócio, o Sebrae regional/Barreiras se planejou e se adaptou bem ao atendimento remoto. A agência não parou durante a pandemia e empreendedores dos 41 municípios que abrange no Oeste do Estado, tiveram constantemente a oferta de conhecimento para expandir seus negócios.

Aproximadamente três mil empresas foram atendidas do início do mês de janeiro ao dia 16 de julho deste ano, com cursos e consultorias online. Uma das consultorias é a Lean Manufacturing, que visa diminuir custos, desperdícios e aumentar a produtividade. Nesta consultoria, o Sebrae está fazendo um investimento de cerca de R$ 300 mil em dez empesas que vão ter condições de serem bem mais competitivas.

Consultorias em soluções específicas como Google Meu Negócio e Marketup (software de automação comercial), também foram oferecidas. Para as duas, foram efetivados 48 atendimentos, onde empresários e funcionários receberam orientações para criar a localização digital da empresa, e no Marketup, que é uma espécie de software de automação comercial online, gratuito, no qual o empresário aprende fazer a gestão de estoques, contas a pagar, contas a receber e vendas.

Para tornar o balanço ainda mais positivo existem as consultorias de Marketing Digital e na área de Finanças, que são as mais procuradas, e tem a Renova Varejo, com foco em estratégia de marketing e vendas, especialmente no ambiente digital. É formatada para atender às necessidades deste momento de pandemia, em virtude do avanço das compras online. 24 empresas das cidades de Barreiras e Luís Eduardo Magalhães participam e avaliam a orientação de forma positiva.

De acordo com a gerente do Sebrae regional/Barreiras, Adriana Morais, boa parte dos três mil atendimentos feitos neste primeiro semestre foram direcionados a micro empreendedores individuais que buscaram informações sobre como se regularizar, em especial informações referentes à Declaração Anual de Faturamento. Foram ofertadas consultorias totalmente gratuitas. Dentro dos três mil atendimentos estão ainda as orientações aos empresários para tomada de crédito consciente.

O programa Negócio a Negócio, faz parte do balanço. Um agente do Sebrae vai de porta em porta nas empresas para prestar atendimento prático com conteúdos que ajudam na gestão do negócio. Hoje, dois agentes atendem cerca de  mil empresas de Barreiras e Luís Eduardo Magalhães. A previsão é que no segundo semestre, com mais agentes, o Sebrae atenda os municípios de Bom Jesus da Lapa, Santa Maria da Vitória, Ibotirama, Correntina, Santa Rita, Serra do Ramalho, São Félix do Coribe, Formosa do Rio Preto, Santana e Jaborandi.

O Sebrae regional/Barreiras também atua na área rural ofertando diversas capacitações, como associativismo e cooperativismo, gestão administrativo/financeira, acesso ao mercado, orientação ao crédito, formação do preço de venda, além de consultorias em inovação e tecnologia.

No momento está em andamento a consultoria de Melhoria do Processo Produtivo da Banana, atendendo 25 produtores do município de Bom Jesus da Lapa, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR). Esta consultoria iniciou-se no mês de novembro de 2020 e aborda temas como manejo correto do solo, da água, controle de doenças na produção de banana e diagnóstico da unidade produtiva rural. Destes 25 produtores, dez receberam consultoria em gestão financeira da propriedade rural.

Também estão em andamento consultorias de legalização e formalização de associações de produtores rurais, para que estas possam ficar aptas a participar de editais governamentais. Estas consultorias acontecem nos municípios de Formosa do Rio Preto, Coribe, Angical, São Desidério, São Félix do Coribe, Barra e Ibotirama.

O Sebrae está prestando consultoria ainda de implantação do Sistema de Controle Interno para a Cooperativa dos Agricultores e Apicultores do Médio São Francisco (COOPAMESF). A cooperativa está se preparando para receber a certificação orgânica. Esta consultoria beneficiará diretamente os apicultores que já produzem de forma orgânica, mas que ainda não possuem um selo de certificação.

Além dos cursos e consultorias, outra ação da regional de Barreiras, neste primeiro semestre, foi participar do planejamento estratégico do Ecossistema de Inovação do Oeste da Bahia, junto com o SENAR, SENAI, CIEB, HUB do BNB, AIBA, IFBA, IEL, CDL, Prefeitura de Barreiras, SECTI, AJEB e NAC do planejamento estratégico do Ecossistema de Inovação do Oeste. O objetivo desta parceria é criar um ambiente favorável para negócios inovadores e para levar novidades para os negócios tradicionais.

Na região Oeste, o Sebrae também está presente com o desenvolvimento de projetos de Políticas Públicas como o ‘Cidade Empreendedora’. Numa parceria  com os municípios de Barreiras, Luís Eduardo Magalhães, Barra, Formosa do Rio Preto e Serra do Ramalho, são oferecidas consultorias e capacitações para os agentes públicos com o intuito de reduzir a burocracia do serviço público voltado para os pequenos negócios. Além da desburocratização, o Cidade Empreendedora tem como eixos: compras públicas, sustentabilidade e inovação, gestão municipal – que contempla capacitação para secretários municipais, agentes de desenvolvimento e prefeitos, e Educação Empreendedora.

Na região Oeste, o Programa Educação Empreendedora acontece, este ano, nos municípios de Brotas de Macaúbas, Coribe, Correntina, Ibotirama, Morpará e Santa Maria da Vitória, com a finalidade de dividir a missão de ampliar, promover e disseminar o empreendedorismo, as competências e a cultura empreendedora na educação formal.

Por meio das parcerias, o SEBRAE viabiliza conteúdo para execução do Programa, reunido em portfólio de soluções no Portal EAD da Educação Empreendedora, nas modalidades presencial, híbrido e a distância. Os conteúdos destinam-se à capacitação de professores e formação de estudantes.  As atividades foram iniciadas no mês de junho com a adesão de 634 professores que estarão responsáveis pela capacitação de 5.763 estudantes.

O Rede de Atores é outro importante programa oferecido para os municípios que querem desenvolver os pequenos negócios, e para garantir a participação é preciso que cada um elabore um Plano de Ação que vise o crescimento dos pequenos negócios, com o apoio do Sebrae. Na região Oeste, 28 estão dentro do Rede de Atores.   O Sebrae orienta o planejamento, leva os serviços para a sala do empreendedor e orienta na formação de novos parceiros para desenvolver os pequenos negócios de acordo com a potencialidade do município. Quem não elaborou o Plano de Ação e deseja fazer parte do Rede de Atores ainda pode solicitar a participação.

 

Agência Sebrae de Notícias Bahia:
Mais notícias: http://www.ba.agenciasebrae.com.br
Canal no Telegram: t.me/sebraebahia
Podcast: bit.ly/imersaosebrae

Para mais conteúdos, siga o perfil @sebraebahia nas redes sociais:
http://www.instagram.com/sebraebahia
http://www.YouTube.com/sebraebahia
http://www.facebook.com/sebraebahia
http://www.twitter.com/sebraebahia
https://www.linkedin.com/company/sebraebahia

Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800

 


Compartilhe:

Comentários: