Com rotina intensa de conservação dos espaços públicos, Barreiras já podou mais de 7 mil árvores

Diariamente, as equipes da Prefeitura de Barreiras, por meio da Secretaria de Infraestrutura, Obras, Serviços, Públicos e Transporte, executam o cronograma de limpeza e manutenção dos espaços públicos. Essa rotina inclui a poda ou supressão das árvores, varrição, capina e remoção de entulhos, um trabalho essencial para a segurança do cidadão que circula a pé, utiliza as praças públicas ou transita em veículos. Ao longo do ano, foram podadas 7.436 árvores, trabalho que também passou essa semana pelo Bairro Jk, Jardim Ouro Branco, Vila Rica e Centro.

Com o apoio e avaliação da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade também foram suprimidas 59 árvores que ofereciam riscos de queda, em locais com potencial para acidentes e outras 73 já mortas. De janeiro até agora, esse trabalho de limpeza e manutenção beneficiou 369 ruas e 69 praças.

“Esse é um trabalho que contempla a zona urbana e rural, nas entradas e saídas da cidade, avenidas, rotatórias, praças e canteiros. Uma iniciativa que deixa a cidade mais bonita, segura, diminui índices de infestação por arboviroses e colabora diretamente no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. Nesta semana, já passamos por oito praças, na segunda-feira, 09, fizemos a poda de 29 árvores e hoje este número já aumentou com a poda de outras 63”, comentou o secretário de infraestrutura, João Sá Teles, sobre os números expressivos.

Segundo informações da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade, a gestão está orientando a população a optar pela substituição das árvores que precisaram ser suprimidas por mudas que pertençam ao bioma Cerrado, como forma de preservação e proteção das espécies nativas da fauna e flora. No viveiro municipal, entre as principais espécies doadas para a zona urbana estão o Ipê de Jardim, o Jacarandá e os Ipês de todas as cores. Já para a zona rural, são muito procuradas as mudas de Buriti, Jatobá, Ipês e Flamboyant.

Regularmente, a Prefeitura de Barreiras também organiza ações nos bairros e, com a ajuda da comunidade, recolhe materiais acumulados nos quintais e ruas, além da desobstrução do esgoto. As medidas são importantes para diminuir a incidência de casos de Dengue, Chikungunya e Zika.

 


Compartilhe:

Comentários: