Executado em parceria com a Prefeitura de Barreiras, projeto de Recuperação de Nascentes ganha prêmio ANA 2020

 

Destaque pelas ações de preservação dos recursos hídricos com 18 nascentes recuperadas, Barreiras celebrou a premiação da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico – ANA pelo projeto “Identificação, Proteção e Recuperação de Nascentes”. O projeto, da Associação Baiana dos Produtores de Algodão – ABAPA, é executado pela Associação dos Agricultores e Irrigantes da Bahia – Aiba, em parceria com a Prefeitura de Barreiras, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo.  A lista dos vencedores do prêmio ANA 2020, disputado entre 695 inscritos, foi divulgada nessa segunda-feira, 22, Dia Mundial da Água.

O Prêmio ANA 2020 se dividiu em oito categorias: Comunicação, Educação, Empresas de Médio e de Grande Porte, Empresas de Micro ou de Pequeno Porte, Entes do Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos (SINGREH), Governo, Organizações Civis, além de Pesquisa e Inovação Tecnológica. O projeto barreirense foi escolhido na categoria “Organizações Civis”.

No início de fevereiro, a Prefeitura de Barreiras garantiu a continuidade da parceria entre as instituições com a assinatura do aditivo do Projeto de Identificação e Recuperação de Nascentes e Áreas de Preservação Permanentes, em cerimônia virtual com as participações do prefeito Zito Barbosa e do secretário municipal de meio ambiente, Demósthenes Júnior.  O acordo de cooperação técnica e administrativa permite identificar, mapear e recuperar nascentes localizadas no âmbito do município.

 “Em 2017, iniciamos nossa parceria com Aiba e Abapa com o mapeamento das nascentes. Em 2018, assinamos o termo de cooperação técnica para realizar o diagnóstico da situação dessas nascentes, o grau de degradação e as melhores técnicas de recuperação que já vem sendo utilizadas nos trabalhos de campo. Essa parceria vem se fortalecendo a cada dia e com os bons resultados do projeto, mais parceiros foram chegando, a exemplo da Codevasf que está contribuindo com o projeto de recuperação e conservação da microbacia do Rio de Ondas”, destacou o secretário de meio ambiente, Demósthenes Júnior.


Compartilhe:

Comentários: