Governador Rui Costa e secretário Fábio Vilas Boas esclarecem dúvidas sobre Covid 19

Prefeitos do território baiano participaram da videoconferência, entre eles, os gestores da região Oeste.

Foto: Fernando Vivas GOVBA

Da Redação

Em entrevista por videoconferência na manhã de hoje (26), o Governador da Bahia Rui Costa e o Secretário Estadual de Saúde, Fábio Vilas Boas, responderam aos questionamentos dos prefeitos do Estado sobre os problemas gerados pela pandemia do Covid-19 e as possíveis medidas para resolução.

De acordo com Rui Costa é importante separar os pacientes já existentes nos hospitais com os infectados pelo Corona Vírus e para isso, unidades de saúde estão sendo preparadas para receber os pacientes do Corona.

Em Barreiras, o Hospital Central será contratado e adaptado para fazer os atendimentos de UTI dos infectados pelo Covid-19. Atualmente a unidade possui 10 leitos de UTI e será adaptada para chegar a 20 leitos. O custo mensal do convênio está estimado em R$960 mil.

Em resposta ao presidente do Consórcio Intermunicipal do Oeste da Bahia – Consid e prefeito de Catolândia, Gilvan Pimentel, a orientação de Rui Costa é para não utilizar a Policlínica como local de triagem. Para atender essa demanda, o governador está em diálogo com a Prefeitura de Barreiras para transformar o Hospital Municipal Eurico Dutra, em uma unidade de triagem para receber os pacientes clínicos infectados pelo vírus na fase inicial.

Os exames para detectar o Coronavírus serão realizados no Laboratório Municipal de Referência – LACEM, em Luís Eduardo Magalhães. De acordo com o governador, a máquina já está no LACEM e só falta autenticação da ANVISA.

Mediante a todos os questionamentos e medidas apresentadas, Rui Costa ressaltou que “a solução para a crise é regional e não municipal, para que possa dar boa qualidade de atendimento a população.”


Compartilhe:

Comentários: