Governador visita Muquém do São Francisco e entrega sistema de abastecimento de àgua

O governador Rui Costa e sua comitiva visitou no dia 28 de novembro, o município de Muquém do São Francisco, e inaugurou o sistema integrado de abastecimento de água que atenderá 4.700 moradores de 19 localidades, também a contenção de erosões que contempla famílias às margens do Velho Chico

1448731122IMG_20151128_125004

O governador Rui Costa esteve na localidade neste sábado (28) para entregar a obra (Fotos: Jayme Modesto/JGO)

Secom

Para compensar e reverter danos ambientais nas margens do Rio São Francisco, além de proporcionar mais tranquilidade às famílias que vivem nas cercanias do Velho Chico, que é um dos principais afluentes do Brasil, foram realizadas obras de contenção de processos erosivos e mitigação de impactos ambientais negativos nas imediações da comunidade Fazenda Grande, que pertence ao município de Muquém do São Francisco.

O governador Rui Costa esteve na localidade na manhã deste sábado (28) para entregar a obra, beneficiando diretamente 150 famílias de Fazenda Grande. “O Rio São Francisco é extraordinário e a ação humana desmatou margens e [destruiu] afluentes que contribuiam com o Velho Chico. Realizamos esta obra no valor de R$ 11 milhões, que é para minimizar esses danos causados ao longo dos anos e que comprometem a saúde do rio, dos peixes, das pessoas que dependem dele. Em Fazenda Grande, corria o risco de as ruas e casas daquela comunidade serem levadas caso o barranco do rio desmoronasse”.1448731122IMG_20151128_093003

As intervenções são resultado de parceria do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento do Estado (SIHS), via Companhia de Engenharia Ambiental e de Recursos Hídricos da Bahia (Cerb), em parceria com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), órgão do governo federal.

O secretário Cássio Peixoto observou que o Rio São Francisco passa por um momento delicado, principalmente, quanto à degradação de margens nas nascentes. Segundo ele, os afluentes que chegam ao rio estão comprometidos. “Identificamos áreas com bancos de areia no leito do rio comprometendo, sobretudo, a oferta de água para a população. Diante disso, foi feito um projeto para revitalização dessas nascentes e um projeto de infraestrutura hídrica, que é a construção destas encostas”.

No distrito de Javi, que também pertence a Muquém, o governador participou da inauguração do Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA). A partir de agora, 4,7 mil pessoas que vivem em 19 localidades, pertencentes aos municípios de Muquém do São Francisco e Wanderley terão água de qualidade.

“Hoje, fizemos a inauguração da primeira etapa do sistema de água no valor de R$ 4 milhões. A segunda etapa, também no valor de R$ 4 milhões, será inaugurada no primeiro semestre do ano que vem. Tenho a plena convicção de que para as pessoas terem plena saúde é preciso beber água de qualidade. Por isso, o Água para Todos é um programa de absoluta prioridade para nós”, disse o governador.

Ainda de acordo com Peixoto, para cada R$ 1 investido em água e saneamento, são economizados R$ 4 na área da saúde. “Já investimos este ano mais de R$ 250 milhões, através do programa Água para Todos”. Uma das contempladas é a família da operadora de caixa Maria Angela Santos, que há oito dias deu a luz à segunda filha.

“A chegada desta água é muito importante. A gente vivia com a água salgada [salobra] e acabava gastando mais [dinheiro] para comprar água que vinha no caminhão pipa de Ibotirama. A água doce vai facilitar o nosso trabalho doméstico. É água doce para gente tomar. Melhorou 100%”.

Ainda em Javi, o Governo do Estado, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), entregou uma patrol (motoniveladora) ao município de Baianópolis. O secretário de Infraestrutura do município, Corsino Neto, disse que o trator “vai fazer a diferença”, pois evitará gastos da prefeitura com a contratação de maquinários. “Nosso município tem 680 quilômetros de estradas vicinais. Estamos localizados entre Barreiras e Santana. É uma região produtora que precisa passar sempre por recuperação [das estradas] porque o transporte pesado no nosso município é muito intenso”.

Títulos de terra

1448731122IMG_20151128_125128

Na oportunidade, foram entregues 19 títulos de terra (Foto: Jayme Modesto/JGO)

Também foram entregues 19 títulos de terra que, entre outras facilidades, permite aos produtores rurais contrair empréstimos e, desta forma, ampliar a oferta de alimentos oriundos da agricultura familiar e, consequentemente, aumentar a renda. Dono de uma pequena propriedade na comunidade conhecida como Pageu do Meio, onde cria porcos e galinhas e planta milho e capim, Hilton Oliveira afirmou que “sem documento [que comprova a posse] é a mesma coisa de não ter terra”.

O secretário estadual de Agricultura, Vitor Bonfim, o presidente da Cofevasf Felipe Mendes, o presidente da Cerb, Marcus Bulhões, entre outras autoridades, também acompanharam o governador Rui Costa nas cerimônias em Muquém do São Francisco.

Visita a unidade escolar

Ainda em Javi, Rui Costa esteve no Colégio Estadual Sidney Mascarenhas. Com a visita, ele pôde conhecer as demandas da comunidade escolar e contribuir para o cumprimento das metas do programa Educar para Transformar.

Marcaram presença no encontro com o governador em Muquém, os prefeito de Barreiras, Antônio Henrique – Ibotirama Terence Lessa – Wanderley José Conceição – Catolândia Gilvan Pimentel – Canápolis Rubiê Oliveira, vereadores de varias cidades da região, representantes de entidades e outras autoridades.

DSCN1875

DSCN1818

DSCN1820

DSCN1824

DSCN1842

DSCN1848

DSCN1856

DSCN1886

 


Compartilhe:

Comentários: