Maria Martins participa do Programa Encontro Marcado da TV Câmara

 

Jaime Modesto

Aos 69 anos, a veterana e experiente Maria Martins, carinhosamente conhecida por Maria de Cezar, concluirá no dia 31 de dezembro o seu sexto mandato em Muquém do São Francisco.

Não pensem que parou por aí, no dia 1º de janeiro assumirá mais um cargo, o de vice-prefeita na chapa da prefeita Mara Rios. Muquém do São Francisco passará a ser governado por duas mulheres.

A carreira política de Maria Martins iniciou em 1996, quando assumiu o seu primeiro mandato de vereadora, no entanto, tem por si que tudo que fazemos desde que nascemos, mesmo sem dar-nos conta tem fundo político, porém assumiu este exercício, mais conscientemente, quando assinou sua ficha de filiação no PSDB.

Maria Martins foi influenciada pelo seu esposo Cezinha (primeiro vice-prefeito de Muquém do São Francisco, de 1996 a 2020) já assumiu seis mandatos consecutivos, sendo dois deles como presidente da câmara de vereadores, neste período sempre procurou estar comprometida com o andamento político do município, fazendo um excelente trabalho com foco no social.

Segundo a agora vice-prefeita Maria Martins, a política na sua essência é a chave para o progresso geral da sociedade.

Foi em suas andanças percorrendo o município, que tem uma grande extensão territorial, que percebeu as dificuldades e carências do povo da zona rural. Viu o peso da responsabilidade, mas muito mais, o prazer de poder ajudar no processo social e político de desenvolvimento de Muquém.

Na visão da Vereadora, Muquém ainda vive de comparações com o passado próspero ligado ao setor da agricultura e pecuária. Hoje por diversos motivos, o município tem a possibilidade de reescrever a sua história em busca de um futuro bem alicerçado no presente, como deve ser, para isto, todos tem que fazer a sua parte em busca de soluções, que por vezes divergem de alguns pensamentos, o que é natural no processo político partidário, levando em conta a avaliação pessoal individual.

Segundo Maria Martins, a nova prefeita Mara Rios tem a premissa de fazer uma gestão sem favores particulares, com o olhar para  bem social e comum, onde as pessoas que já prestam serviço ao município (concursados) sejam valorizados e bem utilizados dentro de suas capacidades para a evolução do sistema, evitando criação de cargos de chefias sem conhecimento técnico que colocam o desenvolvimento em risco.

“Em resumo devemos tratar com respeito às pessoas e o dinheiro público, que por ser público é de todos, assim como preparar nosso município para o futuro social e promissor”, afirmou e destacou ainda sobre a futura gestão com a prefeita eleita Mara Rios.

“Nós temos o objetivo de representar o povo de Muquém do São Francisco, ajudarmos no desenvolvimento de políticas públicas para bem alicerçar a estrutura do nosso município, honrando nossos fundadores assim como as futuras gerações. Juntas, vamos promover uma gestão focada no trabalhado e ações em benefício da população”, pontuou.

Para Maria Martins, o fundamental para fazer uma boa gestão é ser agradecido pelo poder de ajudar, ter humildade no dia a dia, compreender que está a serviço e representa de forma digna o povo, ter pensamentos voltados para o social e a clara certeza de tudo fazer para contribuir para desenvolvimento social, cultural e político e assim deixar um legado ao povo.

“Devemos, cada um de nós, entender e valorizar o poder do voto popular, nossa arma mais forte no caminho da mudança, devemos ainda, nós como eleitores, compreender a força que temos e termos uma conduta forte, ética e com sentido comum, pois o político vem do povo e um povo instruído, digno, comprometido e forte sempre irá buscar eleger seu representante dentro destes adjetivos”, finalizou a vice-prefeita.


Compartilhe:

Comentários: