Saiba mais sobre o consumo de fast food no Brasil

Comer batata frita, hambúrguer, pastel e outras comidas do tipo e comprar refrigerante para acompanhar é uma das alimentações favoritas dos brasileiros. Apesar de serem comidas que não fazem bem, elas ainda sim estão presentes na dieta de muitos.

A alimentação saudável é fundamental para que o ser humano obtenha energia, que é necessária para realizar atividades essenciais para sua sobrevivência. Pensando nisso, selecionamos tudo o que você precisa saber sobre o consumo de fast food preparados com hamburguer brasa 90g e outros alimentos de fast food.

O que é fast food?

O termo fast food significa comida rápida, esse modelo de produção teve origem nos Estados Unidos que logo foi comercializado por empresas transnacionais em redes de franquia.

Com a urbanização das cidades e com o aumento da correria no dia a dia, as pessoas passaram a buscar por uma alimentação mais rápida para ganhar tempo, assim, deixando de lado a preocupação com o valor nutricional dos alimentos.

De modo geral, os restaurantes de fast food contam com uma cozinha bem equipada e bons distribuidores, como distribuidora de carnes, para fazer lanches de forma mais rápida.

Consumo de fast food no Brasil

De acordo com a Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), houve uma redução do consumo de arroz e feijão na dieta dos brasileiros e o aumento da ingestão de fast food.

A frequência da ingestão de pizzas, sanduíches e hambúrguer de uma distribuidora de hambúrguer aumentou de 10,5% para 17%. Com a quantidade de restaurantes que fazem fast food, o acesso a esse tipo de comida ficou ainda mais fácil.

O mercado de fast food, que tem como característica o preparo de alimentos fritos em óleo de soja e outros tipos é muito promissor no Brasil, considerando que, mesmo em momentos de crise, as pessoas não param de se alimentar.

Por que as pessoas gostam de fast food?

Parece controverso dizer que as pessoas gostam de fast food, apesar de saberem dos riscos à saúde que a ingestão dos mesmos frequentemente representa.

Sem dúvidas, o principal motivo é a forma com que esses alimentos são apresentados — em propagandas que deixam qualquer um com água na boca e chamam a atenção de crianças, normalmente com os brindes oferecidos.

Além disso, o sabor é agradável para a maioria das pessoas, e muitos preferem escolher lanches prontos do que fazer o preparo de carnes, aves e peixes em suas residências.

O importante é fazer a ingestão de fast food, assim como a compra de refrigerante no atacado e varejo no dia a dia!


Compartilhe:

Comentários: