Secretaria de Segurança Cidadã e Guardas Civis Municipais participam de palestra “Janeiro Branco: saúde mental e emocional”

A tarde dessa terça-feira (12) foi dedicada para falar sobre saúde mental, emocional e psicoeducação no Auditório das Secretarias da Prefeitura de Barreiras. Com a finalidade de levar informações aos Guardas Civis Municipais e servidores da Secretaria de Segurança Cidadã e Trânsito, a psicóloga Georgette Ribeiro proporcionou um momento de autoanálise sobre comportamento, indícios de depressão, ansiedade e todos os sentimentos que foram aflorados durante a pandemia do Coronavírus.

A palestra “Saúde Mental, quem cuida da mente, cuida da vida” foi realizada por meio da parceria entre a Prefeitura de Barreiras através da Secretaria de Segurança Cidadã e Trânsito, Comando da GCM e a Comissão Organizadora do Janeiro Branco de Barreiras – COJAB. Essa iniciativa iniciou em 2014 em Belo Horizonte-MG e virou uma campanha nacional, totalmente voluntária, levando palestras e apoio a milhares de brasileiros.

O coordenador da COJAB, Carlos Cruz explicou que em Barreiras o projeto atua há quatro anos, levando informações a empresas privadas, instituições de ensino e órgãos públicos. “ A COJAB é voluntária e solidária, e os profissionais da saúde que abraçaram a causa ajudando na construção de uma cultura da saúde mental, emocional e psicoeducação para toda população. Atendemos crianças, jovens, adultos e idosos, lembrando que todo dia é hora de cuidar do lado emocional, e assim vamos ajudando as pessoas a buscarem sentido para a vida e recuperarem a auto estima”, disse o coordenador.

O secretário de segurança cidadã e trânsito, Júnior Sampaio, participou da palestra destacando a importância de cuidar da saúde mental principalmente na rotina diária, em situações de ansiedade e stress.

“Esse momento foi enriquecedor para nossos colaboradores e guardas civis municipais. Durante as explicações, a psicóloga Georgette nos sinalizou como ajudar pessoas que estão ao nosso lado, seja um vizinho, alguém do trabalho, um parente ou uma pessoa que está em alguma das nossas redes sociais, mostrando que elas emitem sinais de doenças mentais, principalmente depressão. Além disso, falou com os GCM´s sobre como lidar com a rotina de trabalho, stress e ansiedade, e tudo isso contribui para nosso bem-estar na execução das funções. Agradecemos o empenho do comandante da GCM, João Oliveira e da subcomandante Rejane Pimentel pela organização e a COJAB pelo incentivo”, finalizou o secretário.


Compartilhe:

Comentários: