Segurança pública é debatida em audiência no município de Serra Dourada

O evento contou com a organização do poder executivo, legislativo, judiciário, e o Conselho de Segurança Municipal

Audiência reuniu diversos segmentos | Clériston Frota

Cheilla Gobi com informações Ascom

A primeira audiência pública realizada no dia 21 de março reuniu no auditório da Escola Antônio Carlos Magalhães diversos segmentos e a sociedade no município de Serra Dourada para tratar de assuntos pertinentes a segurança Pública. Entre os assuntos, os presentes pontuaram as problemáticas que o município enfrenta como o trafico de drogas, sons automotivos, prostituição, eventos wheeling (empinar motos) e até o limite estabelecido por lei para a decretação de feriados municipais.

Representantes policiais participaram do evento

A audiência que serviu para fazer uma reflexão sobre o valor da vida e qual a parcela de contribuição que cada um pode dar para uma sociedade mais pacífica contou com a organização do poder executivo, legislativo, judiciário, e o Conselho de Segurança Municipal.

 “Se agirmos conjuntamente, todos nós teremos uma sociedade melhor. Para combater o tráfico de drogas temos uma grande chance maior devido ser um município menor, mas para isso, precisamos contar com o apoio da comunidade”, destacou o juiz substituto da comarca, Maurício Alvares Barra.

De acordo com o delegado de polícia Daividson Ribeiro, a demanda é grande e o número de ocorrências é crescente.

A interação do público foi grande durante a audiência. Dezenas de perguntas foram direcionadas aos mediadores que responderam prontamente todos os questionários.

O prefeito aproveitou a oportunidade para reforçar os pedidos feitos em outras ocasiões, como também garantiu o apoio incondicional para que a CIPPE Cerrado faça operações no município. “Estou feliz em ter contado com a presença da nossa população nessa audiência, momento importante para debatermos sobre a segurança em nosso município. Eu como gestor tenho a obrigação de passar para os munícipes a situação do nosso município. Todos sabemos que a segurança Pública é um dever do estado, e quando o estado não tem condições de atuar, a União toma conta. Mas eu como prefeito em busca da segurança do nosso município vou dá todas as condições necessárias  para que a polícias atuem em Serra Dourada, como Hotel, alimentação, e o petróleo.  Queremos tranquilidade para nossa gente”, reforçou Milton Frota.

A audiência contou ainda com a participação do Dr. Konrado, Procurador do município, Dr. José Aparecido, Conselho de Segurança, Sub-tenente Paulo Machado, reserva da PM, Capitão Quesado, CIPE-Cerrado ,Tenente Leite, Comandante da Polícia de Serra Dourada e o Capitão Lemos da Polícia Militar de Santa Maria da Vitória.

A população do município de Serra Dourada lotou o auditório


Compartilhe:

Comentários: