“Setembro Amarelo” em Barreiras alerta para prevenção ao suicídio

img_prevencao_semana_suicidio

Por:Ana Cedro

Fotos: Jayme Modesto

Com o objetivo de alertar a população a respeito da realidade do suicídio, bem como suas formas de prevenção, neste sábado, 17, aconteceu em Barreiras, Oeste da Bahia, uma Caminhada que teve início em frente à Câmara de Vereadores e término no Centro de Abastecimento de Barreiras.

O evento que é de iniciativa do médico psiquiatra Dr. Francisco Honorato com a colaboração das Psicólogas Dra. Daniele Arpini e Dra. Kelle Pereira, contou com a participação de muitas pessoas que portavam balões amarelos e vestidos também de amarelo, que é a cor que simboliza a prevenção ao suicídio.

Para a psicóloga clínica Késia Neres que também participou do evento, é preciso ficar alerta contra o ato do suicídio, em virtude dos inúmeros casos registrados no país. “Uma das principais causas de morte na atualidade é o suicídio. Assim, é preciso trazer a tona esse assunto para que a nossa sociedade entenda a importância da prevenção, mesmo sendo algo bastante desafiador para os familiares e profissionais da saúde”, explicou a psicóloga, acrescentando que a sociedade precisa deixar de ser expectadora de uma realidade tão presente e passe a ficar alerta aos sinais.

A campanha Setembro Amarelo tem por objetivo direto alertar a população a respeito da realidade do suicídio no Brasil e no mundo, bem como suas formas de prevenção. Pelos números oficiais divulgados no site da campanha, são 32 brasileiros mortos por dia, taxa superior às vitimas da AIDS e da maioria dos tipos de câncer. A esperança, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) é que 9 em cada 10 casos poderiam ser prevenidos.

img_semana_suicidio

img_kesia_amiga

 


Compartilhe:

Comentários: