23º
35º
Poss. de Pancadas de Chuva

Médicos de São Desidério comemoram as melhorias das condições de trabalho

  • Foto: Ana Lúcia Souza

    Adinete Batista

    Para ofertar os serviços de saúde com eficiência e humanização à população de São Desidério, a Prefeitura investiu maciçamente na contratação de médicos especialistas para atuarem na saúde pública do município através do regime de Credenciamento Público. Mas para que estes profissionais possam exercer as suas funções de forma regular e com eficiência, é preciso garantir melhores condições de trabalho, valorização e motivação aos profissionais. Para tanto a Prefeitura Municipal vem honrando seus compromissos, mantendo em dia os pagamentos de todos os profissionais.

    44 médicos são credenciados para prestarem serviço de consultas médicas para Urgência e Emergência, Ambulatorial (Especialidades ou Clinica Geral) e Saúde da Família. Bem remunerados e motivados, eles comemoram os avanços na saúde pública de São Desidério e assim exercem a medicina com mais amor, cuidado e humanização.

    “Trabalhar em São Desidério é prazeroso, não temos desestímulo, pois recebemos os nossos pagamentos em dia, não nos preocupamos com salários por que sabemos que vamos receber no dia certo. A profissão do médico nesta gestão é dignificada, para tanto exercemos nossas atribuições com zelo e isto reflete no bom relacionamento com nossos pacientes e colegas na oferta dos serviços de qualidade”, afirmou o médico obstetra, Edivaldo Pereira Victor.

    “É obrigação da prefeitura conseguir honrar os compromissos com os médicos  credenciados e todos os demais servidores, por que é direito deles, eles são os responsáveis pelo funcionamento da municipalidade. Tudo isto reflete com compromisso e planejamento que esta gestão tem, pois estamos contendo despesas desnecessárias na máquina pública, cortamos os salários fantasmas, enxugamos a folha salarial  e assim conseguimos honrar nosso compromisso com os servidores e fornecedores”, afirmou o prefeito Zé Carlos.


    • Compartilhe:

    Comentários: